Sempre que a gente tem a chance de ler alguma notícia falando sobre a fortuna dos grandes gênios da tecnologia, inevitavelmente acabamos sonhando: “ah, se eu tivesse toda essa grana eu iria...”. E aí diversas coisas acabam entrando nessa lista, sejam carros importados, viagens alucinantes ou enormes mansões.

Além desses desejos relativamente “normais”, há também quem tenha alguns sonhos mais extravagantes. Certo redator aqui da NZN (tá bom, estamos falando de mim mesmo), por exemplo, adoraria ter a chance de comprar uma fazenda, triciclos motorizados e algumas armas de paitball para os amigos – isso daria uma guerra e tanto!

Se nós já pensamos em algumas loucuras, é claro que com os grandes gurus da tecnologia isso não é diferente. Com tanta grana em mãos, esses bilionários fazem de tudo – inclusive belas ações filantrópicas. Confira algumas esquisitices, extravagâncias e várias boas ações realizadas por alguns dos maiores ricaços do mundo high-tech!

Kim Dotcom: carros e uma pequena mansão

Evento de lançamento do Mega será na mansão de Kim DotcomCadê as girafas? (Fonte da imagem: Reprodução/SlashGear)

Kim Dotcom, o fundador do Megaupload, é conhecido não só por sua batalha na justiça, mas também por toda a sua falta de discrição na hora de gastar dinheiro. Logo, nada melhor do que abrir uma seleção com algumas das maluquices feitas por Dotcom. É possível começar falando, por exemplo, das estátuas em tamanho real de girafas e diversos outros animais que ele tem lá na sua mansão.

Além disso, há nele certa fixação por tirar fotos em banheiras de hidromassagem usando o seu tradicional terno preto. Gastar em iates, viagens e estar acompanhado por belas mulheres também faz parte do estilo de vida de Kim.

Em apenas um final de semana passado no principado de Mônaco, ele conseguiu gastar a “pequena” quantia de US$ 10 milhões. Dotcom também tem uma coleção de 18 carros de luxo e vive em uma modesta residência, avaliada em 30 milhões de dólares. Por fim, o empresário também já gravou um disco e tem um tanque de guerra inflável em exibição na sua pequena casa. 

Larry Ellison – sem velhice e com uma ilha particular

Larry Ellison, cofundador e CEO da Oracle, é um dos homens mais ricos e poderosos do mundo da tecnologia. Com fortuna pessoal avaliada em 36,5 bilhões de dólares, praticamente não há qualquer sonho que ele não possa realizar. Isso inclui um iate de 200 milhões de dólares e um time de corridas de veleiros, por exemplo.

Ele só comprou uma ilha inteira... (Fonte da imagem: Reprodução/LA Times)

Mas, para Ellison, é possível se ter sempre mais. Por isso, no ano passado, o executivo comprou a sexta maior ilha do Havaí. Isso mesmo, a ilha toda. Especula-se que o empresário pagou mais de 500 milhões de dólares pelo território inteiro.

Segundo ele, a ideia não é esbanjar dinheiro, mas sim transformar o lugar em um exemplo de sustentabilidade, abordando desde a produção de comida em pequenas fazendas até a reutilização do lixo e desenvolvimento de energia.

Além disso, é claro que os gastos do CEO não ficam somente em iates ou ilhas. Ele também tem uma fundação médica que estuda maneiras de se frear o envelhecimento (ele tem 68 anos). Segundo a Business Insider, ele já doou 1 bilhão de dólares para pesquisas que trabalham nesse sentido.

Peter Thiel e a sua cidade flutuante

Enquanto alguns compram ilhas, outros preferem criar cidades inteiras. Peter Thiel, um dos fundadores do PayPal, é dono de uma fortuna bem mais modesta: cerca de 1,5 bilhão de dólares. Isso, contudo, não o impede de ser responsável por alguns investimentos bem diferentes do habitual.

Um dos interesses do empreendedor é um movimento chamado “Seasteading”. A ideia é criar casas e comunidades no formato de ilhas artificiais. Elas poderiam ficar em águas internacionais e, com isso, não teriam que obedecer às leis e regras de nenhum país. Será que o investidor pensou também em medidas para se proteger dos piratas?

Mark Cuban, o campeão da NBA

Quando achou o momento oportuno, Mark Cuban negociou a sua companhia, o site Broadcast.com, com outro gigante da tecnologia: o Yahoo!. Negócio fechado, o mais novo ricaço ficou com uma fortuna de 5,9 bilhões de dólares nas mãos – e decidiu fazer algo que com certeza muita gente já sonhou.

Mark em seu jatinho e com o troféu de campeão (Fonte da imagem: Reprodução/Google Plus)

Cuban comprou o time de basquete norte-americano Dallas Mavericks e investiu pesado na equipe – tanto é que eles chegaram a vencer a NBA. A festa de comemoração não foi nada discreta: uma parada em Dallas (cidade do time) que custou 1,2 milhão de dólares.

Contudo, não pense que ele foi para a galera e tomou chope com o povo da cidade. Mark foi bem mais chique e mandou ver uma garrafa de champagne avaliada em 90 mil dólares. Além disso, é claro que para ir à festa ele utilizou o seu jatinho particular, avaliado em cerca de 40 milhões de dólares.

Paul Allen também ama os esportes

Allen e o seu amigo Bill Gates em uma partida de basquete (Fonte da imagem: Reprodução/UOL)

Outro ex-executivo do mundo da tecnologia que se virou para o mundo dos esportes é Paul Allen, cofundador da Microsoft e dono de uma fortuna avaliada em 13 bilhões de dólares. Ele foi mais ambicioso e não comprou só um, mas dois clubes esportivos: o time de futebol americano Seattle Seahawks e a equipe de basquete Portland Trailblazers são dele.

Além disso, Allen também tem um iate avaliado em US$ 200 milhões. A embarcação tem “apenas” 60 funcionários permanentes e dois helicópteros. Por fim, Paul se mostra também um amante do cinema, pois é dono do estúdio Vulcan Productions.

Azim Premji e as suas demonstrações de como NÃO se gastar bilhões!

Para que gastar dinheiro? (Fonte da imagem: Reprodução/TopNews)

Se muitos adoram investir o dinheiro que ganham nas mais diversas excentricidades, há também quem pense diferente. Azim Premji, fundador e atual presidente da empresa indiana de serviços em tecnologia Wipro, não costuma gastar o seu suado dinheirinho com qualquer coisa... Nem mesmo com o próprio conforto.

Premji anda em um Toyota Corolla, carro bastante modesto para quem tem uma fortuna estimada em aproximadamente 20 bilhões de dólares. Em suas viagens de negócios, o CEO só senta na classe econômica e, quando chega a seus destinos, em vez de pagar por luxuosos quartos de hotel, ele geralmente fica hospedado na casa de amigos.

Além disso, segundo a Forbes, Azim Premji serviu os convidados do casamento do seu filho em pratos de papel. Cristais e porcelanas chinesas pra quê, não é mesmo?

Mark Zuckerberg gosta mesmo é do Facebook

Um conto de Natal: Zuckerberg doa US$ 500 milhões a uma instituição de caridadeAmpliarCombinando mais doações com o presidente Obama? (Fonte da imagem: Reprodução/Facebook)

Mark Zuckerberg é outro bilionário que foge um pouco do comum – e que prefere manter um estilo de vida relativamente simples. Além de ter anunciado que pretende dar metade de sua fortuna (avaliada em cerca 10 bilhões de dólares) para caridade, ele já teria feito uma doação de US$ 100 milhões ao sistema de escolas públicas de Newark, Nova Jersey.

No último Natal, o criador do Facebook também fez outra boa ação dando US$ 500 milhões (em ações) à Silicon Valley Community Foundation, uma instituição do Vale do Silício que trabalha com projetos sociais voltados para a região.

Enquanto doa boa parte de sua grana, Zuckerberg vive com roupas simples e adora andar de chinelo pelos escritórios do Facebook. Além disso, ele mora em um apartamento alugado com cerca de 350 metros quadrados – propriedade minúscula se comparada às enormes mansões dos bilionários.

Jeff Bezos não vê a hora de ir para o espaço

Foi com essa cara que ele idealizou o relógio! (Fonte da imagem: Reprodução/Business Insider)

Jeff Bezos, fundador e CEO da Amazon, tem uma fortuna de aproximadamente 20 bilhões de dólares para gastar. E o seu principal sonho é ir para o espaço. Logo, boa parte da grana pessoal do empresário é investida em projetos para “popularizar” a exploração espacial.

Em 2004 ele criou a Blue Origin, empresa que trabalha somente em projetos nesse sentido e que conta com colaboração da Nasa. A companhia tem até mesmo uma base de lançamento de foguetes particular, no estado do Texas, nos Estados Unidos.

Além disso, Bezos também preza pela pontualidade (pelo menos é o que parece). Tanto é que ele gastou 42 milhões de dólares em um “relógio imortal”. De acordo com ele, o relógio deve durar cerca de 10 mil anos – e vai badalar a cada ano, década, século e milênio.

Sean Parker quer tudo legalizado

Vida de rico não é fácil, segundo bilionário do FacebookParker reclamando de ser rico em sua conta no Twitter (Fonte da imagem: Reprodução/Perfil oficial de Sean Parker no Twitter)

Sean Parker é o criador do Napster e já foi presidente do Facebook. O jovem empreendedor perdeu o cargo por ter se envolvido em festas que teriam garotas menores de idade e vários tipos de drogas. Mesmo com os problemas, ele ainda conseguiu ficar com uma fatia considerável de ações da empresa, acumulando uma fortuna de aproximadamente dois bilhões de dólares.

Como a maioria dos ricaços dessa lista, Parker leva uma vida regada a muito luxo e conforto, contudo, a curiosidade sobre ele fica por conta do fato de que ele realizou uma doação de US$ 100 mil para uma organização que briga pela legalização da maconha no estado da Califórnia, a Drug Policy Alliance.

Bill Gates: preocupado com o futuro da humanidade

Bill Gates dispensa qualquer apresentação, seja como fundador da Microsoft ou como um dos homens mais ricos do mundo. Contudo, após se retirar do posto de CEO da companhia, Gates tem se dedicado a ações bem mais filantrópicas. O principal trabalho dele nesse sentido é a “Bill and Melinda Gates Foundation”, que já doou dezenas de bilhões de dólares às mais diversas instituições de caridade, países problemáticos e pesquisas.

5 motivos para você acreditar que Bill Gates é melhor que o Batman(Fonte da imagem: Media Aite)

Além disso, Bill também é um dos idealizadores do movimento “Giving Pledge”, que pede aos maiores bilionários dos Estados Unidos que doem pelo menos metade de suas fortunas. Junto com o investidor Warren Buffet, Gates já convenceu cerca de 40 ricaços, obtendo mais de 600 bilhões de dólares para a caridade.

Apesar de tantas boas ações, é claro que Bill Gates também conta com algumas ideias um pouco “diferentes”, vamos dizer assim. Ele bancou, por exemplo, pesquisas e um concurso para eleger um novo modelo de latrina capaz de processar os dejetos humanos. Ele, inclusive, foi o principal jurado do evento

Cupons de desconto TecMundo: