Inspirada claramente nos tradicionais tocadores de discos, a instalação sonora Dyskograf, criada pela agência grancesa Avoka, permite que os seus visitantes criem música com a ajuda de um pequeno e curioso invento.

Nele, uma câmera lê os movimentos de um disco de papel com a ajuda de um software desenvolvido especialmente para o experimento. No caso, cada marca de caneta realizada no papel cria um tipo de som diferente. Basta que os visitantes rabisquem nos pontos certos para criar suas próprias músicas. Para ver uma pequena amostra de como a ideia funciona, basta assistir ao vídeo  acima.

Fonte: Prosthetic Knowledge

Cupons de desconto TecMundo: