(Fonte da imagem: The Atlantic)

No último dia 13 de janeiro, o navio Costa Concórdia se chocou contra uma rocha na ilha italiana de Giglio. A embarcação tinha mais de 4,2 mil pessoas a bordo e a colisão abriu um grande buraco no casco do navio. Investigações iniciais apontam o comandante como o principal responsável pelo incidente, tendo feito uma manobra imprudente.

Fotógrafos da polícia italiana capturaram uma série de imagens em alta resolução ao longo da semana, durante as buscas por sobreviventes. Até o momento, foram confirmadas 11 mortes e 24 pessoas continuam desaparecidas.

Cupons de desconto TecMundo: