Todos os anos, uma gigantesca quantidade daquelas luzes de Natal é jogada no lixo, em todo o mundo. Mas será que todas elas ganham o mesmo destino? Pelo menos na China, a resposta é sim. Lá, a grande maioria dos equipamentos de iluminação natalina é levada para Shijiao, onde passam por um processo de reciclagem muito interessante.

Somando mais de 9 milhões de quilos, as luzes têm todo o plástico separado da borracha. Os funcionários da fábrica cortam os grandes cabos em pequenas estruturas, para facilitar as outras etapas. Depois, os materiais são processados independentemente e podem se tornar matéria-prima para outros produtos. Em Shijiao, as luzes são transformadas em chinelos (que são exportados para todo o mundo).

E não é apenas da China que surge a matéria utilizada como base para o processo. O The Atlantic afirma que, todos os anos, uma grande quantidade de luzes norte-americanas é despachada em containers para o território chinês. 

Cupons de desconto TecMundo: