Convenhamos, poucas pessoas trabalhariam no desenvolvimento de uma tecnologia com o propósito de atrapalhar nossas vidas ou dificultar alguns processos dela. Engenheiros e cientistas têm sempre a melhor das intenções ao conceberem suas criações.

Porém, às vezes não preveem que, ao longo dos anos, o uso dessas tecnologias pode trazer algumas desvantagens. Podemos fazer uma analogia com os remédios, que apesar de ajudarem a curar nossas doenças, também podem trazer efeitos colaterais desagradáveis. É um preço que precisamos estar dispostos a pagar.

As tecnologias que usamos hoje ou que ainda estão em processo de desenvolvimento também possuem desvantagens. Além do campo social, algumas podem afetar até mesmo a biologia de nossos corpos.

Muita internet, pouca privacidade

Quem tem muitos perfis na web está exposto a problemas de privacidade e a eventuais gafes públicas. E não há como escapar, já que essa é uma desvantagem democrática, que afeta tanto pessoas famosas como anônimas.

Não são raras as notícias sobre tweets e atualizações de celebridades que chegam a causar vergonha em quem lê. E apesar de rirmos dessas notícias e até nos revoltarmos, dificilmente paramos para pensar que também podemos passar por situações semelhantes.

Muitas vezes, o perfil de uma pessoa na internet não faz jus ao que ela é na verdade. Algumas podem parecer mais cultas ou mais baladeiras do que realmente são. Mas quem não as conhece direito acabará interpretando essa imagem online como sendo a real.

E aí está o efeito colateral de uma exposição grande demais na internet. Ao procurar um emprego, por exemplo, tenha sempre em mente que o técnico de recursos humanos pode procurar pelo seu nome no Google ou no Orkut. E, nesse caso, o resultado pode ser o seu “cartão de visita”.

E quando a nuvem for embora?

A nuvem trouxe inúmeras vantagens à computação. Além da possibilidade de hospedar arquivos na internet, economizando espaço em disco localmente, o usuário também pode usar, de maneira transparente, softwares que não estão instalados em sua máquina. Há sistemas operacionais que se baseiam, inteiramente, nessa tecnologia.

A grande desvantagem, porém, é o fato de que o usuário se torna dependente dos serviços de uma empresa. Se, por qualquer razão, um desses sistemas online se tornar indisponível temporariamente, não há como usar os arquivos e programas que o usuário tanto gosta. A situação piora muito se a empresa decide encerrar suas operações.

Acesso ilimitado à internet! Bem, quase isso.

Uma das grandes vantagens da internet é o fato de que todo o conteúdo que queremos está sempre disponível, esperando por nós. E que nosso acesso a tudo isso é irrestrito, que podemos usar e abusar da web.

Mas não é bem assim. A verdade é que somos obrigados a navegarmos dentro de certas regras e limitações, como a largura de banda e transferência máxima de dados que o plano contratado possui.

Seria perfeito se todos tivessem acesso ilimitado à internet, mas isso traria alguns problemas de infraestrutura e até de mercado. Sendo assim, por enquanto, a largura de banda acaba sendo proporcional ao tamanho do bolso.

Impactos ambientais

A produção de todos esses gadgets maravilhosos que vemos sendo lançados diariamente traz um efeito muito indesejável: a poluição da Terra. Infelizmente, não há como eliminar, completamente, esse efeito colateral. A criação de lixo e materiais nocivos ao meio ambiente acontece desde a criação de placas de computadores até a embalagem plástica que envolve as caixas de softwares.

No momento, a única saída existente para esse problema é a política de redução de danos, ou seja, tentar tornar o processo de fabricação o menos poluente possível. Aos consumidores, restam as possibilidades de consumir menos e de pesquisar antes de comprar um produto, para não colaborar ainda mais com os impactos ambientais negativos.

Baterias duram cada vez menos

Para muitos, uma vida sem dispositivos móveis é inimaginável. Smartphones, laptops e netbooks estão cada vez melhores e, a cada lançamento, repletos de funções novas. O problema é que a evolução das baterias não tem acompanhado tão bem a multiplicação dessas funcionalidades.

Apesar de muitas empresas darem atenção à duração da bateria durante o desenvolvimento desses aparelhos, a maioria desses eletrônicos ainda requer uma carga dentro de poucas horas de uso. Há casos extremos, em que o tempo conectado à tomada é muito maior do que o tempo de uso permitido por essa carga.

Seres biologicamente modificados

Nanotecnologia e engenharia genética são dois assuntos que fazem brilhar os olhos de qualquer viciado em tecnologia e ciência. A ideia de que podemos “hackear” a biologia do nosso corpo é muito tentadora. Assim como a possibilidade de robôs minúsculos curando doenças dentro de nós. Porém, não sabemos direito quais são as consequências que isso pode trazer em um futuro mais longo.

Se levarmos em consideração as discussões acaloradas sobre as plantas geneticamente modificadas, é bem provável que não teremos a resposta tão cedo. Assim como corremos o risco de modificarmos a natureza permanentemente, também podemos acabar alterando, para sempre, a biologia humana. Só nos resta esperar e, com o tempo, descobrir se tudo isso valeu a pena.

Cupons de desconto TecMundo: