Arcos de One Piece do melhor ao pior (ranking)

4 min de leitura
Imagem de: Arcos de One Piece do melhor ao pior (ranking)
Imagem: One Piece Fandom
Avatar do autor

One Piece é uma obra que praticamente dispensa apresentações. Com quase 25 anos de estrada, a criação de Eiichiro Oda conquistou o mundo graças aos seus personagens carismáticos e histórias emocionantes — que vai até ganhar adaptação em live action. O anime começou a ser exibido em 1999 e não demorou para se tornar uma das produções de maior sucesso no Japão e em várias partes do globo.

Com tanto tempo de existência, era de se esperar que a história já esteja bem avançada. Pensando nisso, resolvemos criar um ranking listando todos os arcos (do melhor para o pior) e também ajudar aqueles que ainda não conhecem a animação a perceberem que estão perdendo uma obra incrível — com diversas participações em jogos, inclusive.

Como começar a assistir?

Como a trama de One Piece é gigantesca, uma boa ideia é enxergar ela como se fosse um seriado. Em vez de temporadas, o anime/mangá é organizado em sagas e arcos, compreendendo episódios e capítulos que correspondem a uma parte específica da história.

A saga de East Blue, por exemplo, tem como arco inicial o Romance Dawn — correspondendo aos capítulos 1 a 7 (vol. 1 do mangá) e episódios 1 a 3 do anime.

Para facilitar a nossa vida, separamos inicialmente os 5 melhores e 5 piores arcos, apresentando um pequeno argumento para cada escolha. Depois disso, separamos os demais arcos do melhor para o pior.

Os 5 melhores arcos de One Piece

O arco de Marineford é sem dúvidas um dos melhores da obra. (Fonte: One Piece Fandom/Reprodução)O arco de Marineford é um dos melhores da obra. (Fonte: One Piece Fandom/Reprodução)Fonte:  One Piece Fandom 

Arco País de Wano

O arco mais recente de One Piece tem se mostrado o melhor até então. Além de ter desenvolvido uma trama complexa e madura, também tem conseguido explorar muito bem cada um dos personagens, especialmente aqueles que ficaram mais “apagados” em arcos anteriores.

Arco Marineford

Chamado também de “A guerra dos maiorais”, o arco de Marineford é o melhor pré-timeskip, com lutas e revelações surpreendentes para os fãs da obra de Eiichiro Oda. Embora o autor já tenha revelado que uma batalha de proporções ainda maiores esteja por vir, é difícil imaginar tantos personagens poderosos reunidos em tão poucas cenas.

Arco Water 7

Considerado um arco de transição, Water 7 se destaca por apresentar aquele que é considerado o personagem mais poderoso da obra: Sogeking, o alter ego de Usopp. Brincadeiras à parte, os episódios/capítulos apresentam revelações bombásticas e uma reviravolta surpreendente até para os padrões de One Piece.

Arco Enies Lobby

A sequência de Water 7 também merece destaque por conta das repercussões que o arco desencadeou para o bando do Chapéu de Palha. A partir dos eventos finais, Luffy e seus companheiros se tornaram inimigos declarados do governo mundial, o que elevou o padrão da série de forma incomparável.

Arco Arlong Park

Um dos primeiros arcos de One Piece e provavelmente aquele que fez muitos continuarem assistindo o anime ou lendo o mangá. A história de origem da Nami, a navegadora do bando, tem uma história intimista e muito emocionante, além de uma evolução considerável na interação entre os personagens do grupo.

Os 5 piores arcos de One Piece

O arco após Skypiea, embora não seja um filler, é considerado o mais fraco. (Fonte: One Piece Fandom/Reprodução)O arco após Skypiea, embora não seja um filler, é considerado o mais fraco. (Fonte: One Piece Fandom/Reprodução)Fonte:  One Piece Fandom 

Arco Long Ring Long Land

Indiscutivelmente o pior arco de One Piece. A história aborda o desafio “Davy Back Fight” proposto pelo pirata Foxy, conhecido como Raposa Prateada. Embora não seja considerado filler, os episódios e capítulos certamente contam com esse tom — com exceção do personagem que o bando do Chapéu de Palha encontra ao final do arco.

Arco Thriller Bark

Amado por alguns e odiado por outros, este arco perde pontos por apresentar um início arrastado e pouco interessante. Há pontos que se destacam, como a chegada de Brook e o desfecho da batalha principal, mas a trama é considerada fraca e até mesmo a animação parece ter perdido o brilho.

Arco Dressrosa

Arco excessivamente longo e com uma divisão do bando em dois grupos que torna a história ainda mais confusa. A demora para a chegada do clímax faz muitos considerarem a trama de Dressrosa desinteressante.

Arco Ilha dos Homens-Peixe

O problema desse que é um dos primeiros arcos pós-timeskip é a apresentação de vilões que não conseguiram explorar as potencialidades dos protagonistas. Embora a história apresente elementos-chaves para a trama, não conseguiu manter o padrão dos arcos anteriores.

Arco Amazon Lily

Arco de transição e focado exclusivamente em Luffy e sua chegada em uma ilha dominada por mulheres. Depois dos acontecimentos do Arquipélago de Sabaody (o arco anterior), era de se esperar algo mais grandioso ou importante para a sequência.

Os demais arcos (do melhor para o pior)

  • Arco Skypiea
  • Arco Romance Dawn
  • Arco Impel Down
  • Arco Alabasta
  • Arco Little Garden
  • Arco Jaya
  • Arco Pós-Guerra
  • Arco Ilha Whole Cake
  • Arco Baratie
  • Arco Pós-Enies Lobby
  • Arco Vila Syrup
  • Arco Retorno a Sabaody
  • Arco Orange Town
  • Arco Arquipélago de Sabaody
  • Arco Punk Hazard
  • Arco Zou
  • Arco Levely
  • Arco Loguetown
  • Arco Ilha Drum
  • Arco Reverse Mountain
  • Arco Whisky Peak

E para você, quais são os melhores e piores arcos de One Piece? Compartilhe a sua opinião nos comentários!