10 quadrinhos de terror da DC para ler o quanto antes

4 min de leitura
Imagem de: 10 quadrinhos de terror da DC para ler o quanto antes
Imagem: https://www.dccomics.com/
Avatar do autor

Ao longo de quase 90 anos, a DC Comics conquistou inúmeros fãs por todo o planeta ao introduzir alguns dos heróis mais icônicos dos quadrinhos. Porém, detentora de selos adultos e linhas voltadas para a chamada "Dark Fantasy", a marca também apresentou várias novels repletas de tensão, conteúdos voltados para o ocultismo e maior concentração de violência gráfica, apostando em uma atmosfera de terror e suspense para diversificar o portfólio.

Conheça abaixo algumas das histórias mais assustadoras da DC Comics e descubra como o universo do horror em quadrinhos se consolidou através de nomes marcantes do cenário geek.

10. Sandman

(Fonte: DC Comics / Reprodução)(Fonte: DC Comics / Reprodução)Fonte:  DC Comics 

Um dos quadrinhos de terror mais influentes da história, Sandman apela para o abstrato e para a fantasia na construção de um horror gótico quase inteiramente atmosférico. Publicada sob o selo Vertigo da DC, a obra de Neil Gaiman traz violência, personagens misteriosos, temas macabros e controversos, narrativa provocadora e fortes traços de ocultismo, evidenciados através dos diálogos sublimes e de uma arte que, para muitos, pode ser incômoda (no bom sentido).

9. DComposição

(Fonte: DC Comics / Reprodução)(Fonte: DC Comics / Reprodução)Fonte:  DC Comics 

DComposição foi uma minissérie da DC lançada em seis revistas e criada pelo escritor Tom Taylor. Na obra, uma versão corrompida da Equação Anti-Vida infectou quase todos os habitantes em uma Terra alternativa, transformando-os em zumbis. Narrada por Lois Lane, a história apresenta tons dramáticos e repletos de tensão, enquanto acompanhamos o desespero da Liga da Justiça em combater a nova catástrofe causada pelas forças de Darkseid.

8. Casa dos Mistérios

(Fonte: DC Comics / Reprodução)(Fonte: DC Comics / Reprodução)Fonte:  DC Comics 

Integrante do selo Casa dos Mistérios, antologias de terror, fantasia e mistério em quadrinhos publicadas pela DC Comics, Elvira, a Rainha das Trevas também ganhou seu próprio arco, lançado em onze edições durante a década de 1980. A série conta com temáticas envolvendo o Halloween e as mais variadas figuras voltadas para o suspense e horror, trazendo um visual clássico e traços cheios de sombras.

7. Liga da Justiça Sombria

(Fonte: DC Comics / Reprodução)(Fonte: DC Comics / Reprodução)Fonte:  DC Comics 

Em Liga da Justiça Sombria, os clássicos heróis da DC dão lugar ao estranho grupo de John Constantine, Madame Xanadu, Deadman, Shade e Zatanna, que se aprofundam na escuridão para resolver casos assustadores para qualquer kryptoniano. Recorrentemente, essas figuras lidam com ameaças que fogem do plano natural da Terra e utilizam seus dons sobrenaturais contra seres sombrios.

6. Monstro do Pântano

(Fonte: DC Comics / Reprodução)(Fonte: DC Comics / Reprodução)Fonte:  DC Comics 

Monstro do Pântano, do lendário Alan Moore, recriou completamente as histórias de terror modernas, introduzindo um poderoso e assustador personagem que se envolve em uma perturbadora trama de vingança. Na HQ, conhecemos o cientista Alex Olsen, que se transforma em uma criatura após seu laboratório ser sabotado e ter substâncias químicas absorvidas pelo organismo. Condenado pela eternidade, a criatura decide combater o mal ao seu redor enquanto tenta manter o pouco de humanidade que ainda lhe resta.

5. Batman & Drácula

(Fonte: DC Comics / Reprodução)(Fonte: DC Comics / Reprodução)Fonte:  DC Comics 

Escrita por Doug Moench e desenhada por Kelley Jones, a trilogia Batman & Drácula é mais um crossover inusitado protagonizado pelo Cavaleiro das Trevas. Sua história ocorre na realidade paralela de Elsewords e coloca a identidade de Bruce Wayne para combater vampiros sedentos que apavoram Gotham durante a noite e respeitam as ordens de Drácula. Logo, a vida do herói ganha uma reviravolta ao perder uma de suas aliadas e Batman passa a arriscar tudo em um plano absurdo que pode mudar completamente sua vida.

4. Um Conto de Batman: Faces

(Fonte: DC Comics / Reprodução)(Fonte: DC Comics / Reprodução)Fonte:  DC Comics 

Um Conto de Batman: Faces é uma coletânea lançada em três edições, entre março e maio de 1992, por Matt Wagner. No enredo, Duas-Caras, afetado pela esquizofrenia e pela dupla personalidade, decide criar um exército de pessoas deformadas para isolá-los em uma ilha caribenha. Lá, cirurgiões são forçados a transformar pessoas em criaturas profanas, até que Batman descobre os planos malignos do vilão e deve fazer de tudo para evitar a ascensão de um esquema maníaco.

3. Hellblazer

(Fonte: DC Comics / Reprodução)(Fonte: DC Comics / Reprodução)Fonte:  DC Comics 

Publicado sob o selo Vertigo da DC Comics, Hellblazer apresenta histórias de John Constantine, um exorcista sobrenatural e com personalidade arrogante que combate entidades infernais. Integrante da Liga da Justiça Sombria, o ocultista se entrega em casos de todos os tipos, lutando com aliados para manter a humanidade a salvo de ambas as forças demoníacas e celestiais.

2. Invocação do Mal: O Amante

(Fonte: DC Comics / Reprodução)(Fonte: DC Comics / Reprodução)Fonte:  DC Comics 

Promovida pela linha Black Label, a série Horror da DC inaugurou seus conteúdos com um prelúdio para o filme Invocação do Mal 3: A Ordem do Demônio. Em Invocação do Mal: O Amante, os roteiristas David Leslie Johnson-McGoldrick e Rex Ogle apresentam a história de Jessica, uma estudante universitária que ao retornar das férias de inverno, descobre que está sendo alvo de uma presença maligna.

1. Cesto de Cabeças

(Fonte: DC Comics / Reprodução)(Fonte: DC Comics / Reprodução)Fonte:  DC Comics 

Lançada originalmente em outubro de 2019, Cesto de Cabeças, de Joe Hill, apresenta o drama vivido pela jovem June Branch, que deve escapar de quatro criminosos sanguinários na ilha isolada de Brody Island. Para salvar seu namorado, ela deve utilizar um estranho machado viking que decapita com apenas um golpe, enquanto as cabeças das vítimas são deixadas, ainda com vida, em um cesto de palha.