Para Todos os Garotos 3: confira o que os críticos estão dizendo

2 min de leitura
Imagem de: Para Todos os Garotos 3: confira o que os críticos estão dizendo
Imagem: IMDb/Reprodução
Avatar do autor

A Netflix adicionou nesta sexta-feira (12) ao seu catalogo o filme Para Todos os Garotos: Agora e Para Sempre, terceira parte de uma trilogia bastante popular na plataforma. Diversos críticos de cinema já tiveram a oportunidade de assistir ao longa, dirigido por Michael Fimognari. Abaixo, você confere os principais pontos positivos e negativos que eles destacam.

Madeleine Arthur e Lana Condor em 'Para Todos os Garotos: Agora e Para Sempre'.Madeleine Arthur e Lana Condor em 'Para Todos os Garotos: Agora e Para Sempre'.Fonte:  IMDb/Reprodução 

THR – Robyn Bahr

Agora e Para Sempre é o mais maduro e, portanto, o mais divertido dos três filmes porque destaca as escolhas que Lara Jean faz para si mesma, em vez das escolhas que ela faz sobre outras pessoas. As histórias anteriores a viram crescer em confiança graças à atenção sexual dos meninos, mas essa história final permite que ela cresça em confiança precisamente porque ela rejeita (embora com grande dificuldade) as expectativas de ser um objeto de amor. Lara Jean é finalmente uma pessoa, não uma projeção”.

Variety – Peter Debruge

“A grande recompensa desse filme não é o que acontece com Lara Jean e Peter, mas poder ver o elenco de apoio florescer ao redor dos dois. Tem mais da irmã mais velha Margot, assim como de Kitty, a irmã mais nova e ferozmente independente. De muitas maneiras, ao usar material do segundo romance para o primeiro filme, Para Todos os Garotos que Já Amei levou a história de Lara Jean para onde ela precisava ir. Assim, esse filme tem como objetivo fechar o ciclo de um dos originais mais populares da Netflix, enquanto deixa a porta entreaberta para outros derivados”.

Omelete – Mariana Canhisares

Agora e Para Sempre é maduro, curiosamente sem perder sua inocência colorida, traz o melhor da química de Lana Condor e Noah Centineo e lembra por que comédias românticas adolescentes são tão gostosas de assistir. O ‘felizes para sempre’ pode não ser o imaginado por muitos fãs dos filmes, mas é o mais justo para a fofa história de Lara Jean”.

AdoroCinema – Barbara Demerov

“Por um lado, a jornada do casal nesse capítulo traz um resultado interessante ao público, pois mostra que escolhas diferentes não precisam ser o ‘fim do mundo’. Mas, por outro, a narrativa de Agora e Para Sempre tarda até chegar a essa mensagem final, que se perde em meio a tantos momentos visualmente deslumbrantes, mas com pouco conteúdo. Em 2 horas, a jornada de Lara Jean se complica mais do que deveria, pois todo o enredo consiste em apenas uma problemática que, na realidade, não é assim tão difícil de ser resolvida”.

Collider – Matt Goldberg

“Embora Agora e Para Sempre ofereça um obstáculo real para o relacionamento de Lara Jean e Peter, o último capítulo parece se arrastar até a linha de chegada e parece esperar que consiga agradar ao público com montagens das viagens e com as cores brilhantes, para obscurecer que deveríamos ter deixado esses personagens no ‘felizes para sempre’”.

ScreenRant – Molly Freeman

No fim das contas, Agora e Para Sempre consegue manter muito do que funcionou nos filmes anteriores, enquanto oferece algo novo e fresco. A história e seu final são tão docemente esperançosos e apaixonados pelo amor quanto os dois primeiros filmes. E, embora o ano passado tenha sofrido com a escassez de filmes de sucesso e simplesmente divertidos, Agora e Para Sempre é um romance de derreter o coração, calorosamente alegre e encantadoramente esperançoso, que oferece um suspiro de alívio muito necessário em meio a este frio e sombrio inverno”.

Para Todos os Garotos 3: confira o que os críticos estão dizendo