Demon Slayer agora é a maior bilheteria da história do Japão

1 min de leitura
Imagem de: Demon Slayer agora é a maior bilheteria da história do Japão
Imagem: Reprodução / Aniplex
Avatar do autor

Depois de quase vinte anos no topo das bilheterias do Japão, A Viagem de Chihiro, de Hayao Miyazaki, teve o seu marco superado.

O filme do mangá Demon Slayer alcançou 32,47 bilhões de ienes (o equivalente a US$ 319 milhões), desbancando a animação do Studio Ghibli, que havia faturado 31,68 bilhões de ienes.

Esse feito foi alcançado antes mesmo do filme ser lançado na Europa e nos Estados Unidos.  E o mais impressionante é que Demon Slayer faturou 10 bilhões de ienes em apenas dez dias, o que o tornou o filme mais rápido da história do Japão a alcançar esse marco.

Fonte: Reprodução / Aniplex
Fonte: Reprodução / Aniplex

De acordo com o Hollywood Reporter, o reajuste de calendário de lançamentos estrangeiros pode ter ajudado a animação a alcançar esses números. Com os principais estúdios de Hollywood adiando grande parte de seus lançamentos para 2021, Demon Slayer não precisou enfrentar tanta concorrência estrangeira.

Além disso, com a reabertura total dos cinemas japoneses após o período de fechamento devido à pandemia, a exibição do filme foi incentivada pelas salas de cinema para obter o maior lucro possível no período.

Baseado no mangá criado por Koyoharu Gotoge, Demon Slayer se tornou um fenômeno cultural quando foi adaptado para o anime do estúdio Aniplex. A história acompanha a jornada de Tanjiro, um jovem japonês da era Taisho (1912-1926) que se torna uma caçador de demônios após a sua família ser assassinada por uma das criaturas.