Netflix anuncia 'co-CEO' e divulga novos dados de audiência

1 min de leitura
Imagem de: Netflix anuncia 'co-CEO' e divulga novos dados de audiência
Avatar do autor

A Netflix anunciou mais informações a respeito da audiência de séries e filmes originais, além de confirmar uma mudança administrativa no mais alto escalão da empresa.

De forma geral, a companhia está satisfeita com o desempenho dos conteúdos originais que estrearam no segundo semestre de 2020. Um dos destaques foi a série Eu Nunca.., já renovada para uma segunda temporada. Os primeiros episódios da comédia co-criada por Mindy Kaling (a Kelly de The Office) foram vistos em 40 milhões de residências em apenas um mês.

Esse foi o mesmo número atingido por Space Force no período de 30 dias. A comédia política com Steve Carell e John Malkovich ainda não teve o destino anunciado e recebeu uma recepção mista da crítica.

Space Force.Space Force.Fonte:  Netflix 

Logo abaixo na lista de estreias está Jogo da Lava, com 37 milhões de lares conectados na loucura do gameshow, segundo projeção da empresa. Já "Brincando com Fogo atingiu 51 milhões de residências.

Mais dados

Entre longa-metragens, o destaque é a ação "Resgate", com Chris Hemsworth. O filme bateu recordes trimestrais e de filme original com 99 milhões de espectadores em um mês.

Destacamento Blood, de Spike Lee, atingiu 27 milhões de contas, enquanto a comédia A Missy Errada foi o longa-metragem recordista do período entre as novidades, com 59 milhões de espectadores.

Destacamento Blood.Destacamento Blood.Fonte:  Netflix 

Nos conteúdos mais voltados ao público infantil, Os Irmãos Willoughby chegou a 38 milhões de lares. Entre produções de fora dos Estados Unidos, o destaque foi a quarta temporada de La Casa de Papel, um sucesso absoluto que capturou a atenção de 65 milhões de pessoas ao redor do mundo.

A companhia ainda destacou que conteúdos sobre racismo e justiça social ganharam popularidade em meio ao período de protestos do "Black Lives Matter", incluindo conteúdos como A 13ª Emenda e Cara Gente Branca.

Nova chefia

O gerente de conteúdo da companhia, Ted Sarandos, agora é o co-CEO da Netflix ao lado do atual CEO, Reed Hastings — ação que alguns veículos enxergam como um período de preparo para uma eventual sucessão daqui a alguns anos.

Ted Sarandos.Ted Sarandos.Fonte:  Wikipédia 

Sarandos vai continuar gerenciando a estratégia de produções da plataforma, que ele ajudou a transformar em uma enorme estrutura de produções originais ganhadora de prêmios, e agora faz parte do conselho. Ele está na Netflix desde 2000, quando a companhia trabalhava somente com DVDs.

News de tecnologia e negócios Deixei seu email aqui, e welcome to the Jungle.
Netflix anuncia 'co-CEO' e divulga novos dados de audiência