Tenet: filme contou com um dos maiores sets já feitos na história

2 min de leitura
Imagem de: Tenet: filme contou com um dos maiores sets já feitos na história
Imagem: IMDb
Avatar do autor

O novo filme de Christopher Nolan ainda não estreou, mas já está chamando a atenção pela sua grandiosidade. Durante uma entrevista ao Entertainment Weekly, o cineasta afirmou que Tenet é realmente grande. Para se ter uma ideia da dimensão, a produção precisou construir uma “uma cidade abandonada, com prédios destruídos e escombros”, no deserto da Califórnia.

"O set certamente poderia ser classificado como uma das maiores construções externas de todos os tempos. É colossal”, afirmou o cineasta, que já está acostumado a trabalhar em grandes projetos. Nolan foi responsável por filmes como A Origem, Interestelar e a trilogia do Batman.

Tenet também tem tudo para ser um filme complexo. Não que seja uma novidade, afinal, o diretor sempre gostou de trabalhar com filmes assim. Mas quando ele tentou explicar a ideia do longa, precisou ir até à física para explicar os conceitos da sua obra.

“Não é um filme de viagem no tempo”, disse Nolan. “Tenet trata do tempo e das diferentes maneiras pelas quais o tempo pode funcionar. Sem querer entrar em uma aula de física, mas a inversão é essa ideia de que a matéria teve sua entropia invertida; portanto, está retrocedendo no tempo, em relação a nós”.

John David Washington e Elizabeth DebickiJohn David Washington e Elizabeth DebickiFonte:  IMDb/Reprodução 

Mas se não é um filme sobre viagem no tempo, é um filme sobre o quê? O ator Kenneth Branagh afirmou que, embora a ficção científica seja um elemento importante, Tenet é um filme de espionagem. Existe uma ameaça global e é isso que conduz a trama.

“É um filme de espionagem que está lidando com uma ameaça global”, comentou Branagh. “Um holocausto nuclear não é o maior desastre que poderia acontecer à raça humana. Tenet discute uma possibilidade ainda pior, e está envolvida nessa maneira incrível sobre o tempo que continua motivando Chris Nolan nos seus filmes, desde Amnésia, e passando por Interestelar e A Origem”.

E, por ser um filme de espionagem, Nolan aproveitou para trazer uma de suas principais influências: 007. O cineasta afirmou que a obra do escritor Ian Fleming, criador de James Bond, está presente no espírito do filme, mas o protagonista é uma pessoa menos fechada que o famoso agente britânico.

“Estamos lidando com um mundo de espionagem e de identidades ocultas”, afirmou Nolan. “[John David Washington] interpreta um agente conhecido pelo termo Protagonista. Tenet é o nome da organização na qual o Protagonista é introduzido. [A obra de Ian Fleming] está muito presente no coração do filme, mas, ao contrário de Bond, [o Protagonista] tem uma acessibilidade emocional muito calorosa”.

O diretor também comentou sobre a participação de Aaron Taylor-Johnson (Vingadores: Era de Ultron) no filme. O ator não havia sido confirmado oficialmente e teve apenas uma breve aparição no segundo trailer.

"Aaron Taylor-Johnson está de fato no filme", diz Nolan. "Ele é uma parte importante do filme. Sim, não há fotos dele, isso é verdade. Ele é brevemente vislumbrado no [segundo] trailer. Ele também está completamente irreconhecível”.

John David WashingtonJohn David WashingtonFonte:  IMDb/Reprodução 

O novo filme de Nolan também conta com Robert Pattinson, Michael Caine, Elizabeth Debicki, Fiona Dourif, Clémence Poésy e Himesh Patel no elenco. Tenet chega aos cinemas no dia 30 de julho, duas semanas após a data que havia sido planejado oficialmente. O filme deverá servir como um termômetro para a indústria decidir se já é viável reprogramar os próximos lançamentos.

Leia mais sobre Tenet:

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Tenet: filme contou com um dos maiores sets já feitos na história