Star Wars: J.J. Abrams fala sobre insatisfação de George Lucas

2 min de leitura
Imagem de: Star Wars: J.J. Abrams fala sobre insatisfação de George Lucas
Avatar do autor

Em nova entrevista à revista Rolling Stone, J.J. Abrams falou sobre o desenvolvimento da recente trilogia Star Wars e sua relação com George Lucas durante o processo. No geral, o diretor e produtor disse sentir “gratidão” pelo criador da franquia e não negou ter havido certa insatisfação por parte de Lucas quanto aos novos rumos da Saga Skywalker.

Quando questionado sobre o assunto, especificamente sobre a direção do Episódio VII — O Despertar da Força (2015), Abrams disse:

“Ele veio, nós tivemos uma reunião quando começamos a trabalhar neste (novo filme), conversamos sobre várias ideias e histórias diferentes e ouvimos dele o que era importante. E não fizemos nada além de tentar aderir a alguns aspectos fundamentais da história. Não foi algo difícil de tentar. E, novamente, ele foi realmente gentil”, completou.

George Lucas encerrou a direção da franquia Star Wars em 2005. (Fonte: IMDb/Reprodução)

Ainda declarou que no geral toda a situação deve ter sido “complicada” para George Lucas, ao visualizar Star Wars a partir do trabalho de outros cineastas — Abrams dirigiu os episódios VII e IX, enquanto Rian Johnson comandou o episódio VIII, de 2017.

“Eu gostaria que (O Despertar da Força) tivesse sido seu filme favorito de todos os tempos? Sim, eu só queria me dar bem com ele. Eu diria apenas que não tenho nada além de profundo respeito pelo cara e estou verdadeiramente, ainda mais agora, trabalhando nesses filmes em respeito ao que ele criou”, ressaltou.

Lucas foi consultado

Desde o encerramento da trilogia prequel de Star Wars — episódios I, II e III —, George Lucas dava indícios de que iria em algum momento dirigir os capítulos finais da Saga Skywalker. Inclusive, ele chegou a criar os enredos. Contudo, desistiu dos planos, ao vender sua produtora Lucasfilm para a Disney, em 2012.

Devido à sua importância, como criador do universo da franquia, o diretor foi consultado sobre as novas sequências. Nessas ocasiões, ele teria demonstrado certa insatisfação com os rumos das histórias, ao notar que suas ideias foram deixadas de lado nos roteiros. Essas informações foram descritas em um livro por Bob Iger, CEO da Walt Disney Company.

J.J. Abrams e Kathleen Kennedy confirmaram posicionamento de Lucas. (Fonte: IMDb/Reprodução)

Já Kathleen Kennedy, presidente da Lucasfilm, também em entrevista à Rolling Stone, declarou que Lucas teve certa dificuldade para visualizar Star Wars através da ótica de Abrams e Johnson. Porém, no geral, ele respeitava o resultado atingido por ambos, principalmente quanto aos aspectos técnicos dos longas recentes.

O último capítulo da saga, Episódio IX: A Ascensão Skywalker, estreará nos cinemas nacionais em 19 de dezembro de 2019. Até lá, o diretor do filme, J.J. Abrams, e os integrantes do elenco Daisy Ridley (Rey), John Boyega (Finn) e Oscar Isaac (Poe) passarão pelo Brasil na CCXP19, no sábado (7), para divulgar o título.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Star Wars: J.J. Abrams fala sobre insatisfação de George Lucas