Já pensou como seria explorar a capacidade das redes neurais em RPGs? Pois é, isso já está sendo feito por Janelle Shane, cientista norte-americana. Ela treinou uma rede neural capaz de criar uma lista completa de novos monstros com características diversificadas (e muito estranhas) de Dungeons & Dragons. Para isso, foi usada uma base de dados de 2.205 criaturas da segunda edição do manual de monstros do jogo, publicada em 1989.

Para chegar a esse resultado, Shane alimentava a rede neural com informações em forma de texto, que seriam usadas para criar um determinado padrão. Após isso, o sistema gerava novas palavras com base nas regras básicas de cada palavra original inserida.

Desse modo, foram “concebidos” dragões, unicórnios e até mesmo lesmas, com nomes como: Dragon Purple Fang (Dragão Presa Roxa), Bat Unicorn (Unicórnio Morcego) e Spectral Slug (Lesma Espectral). Inclusive, os interessados no assunto podem cadastrar seu email para receber outras variações das criaturas formadas nesse contexto.

Futuros projetos

Futuramente, a cientista planeja explorar essa tecnologia para criar nomes de personagens do mesmo jogo. Para isso, ela tem pedido a colaboração de fãs do RPG para treinar o algoritmo da rede neural com esse objetivo. Assim, quanto mais informações ela tiver, mais precisos serão os resultados. Nesse caso, será necessário preencher apenas um formulário do Google. Quem quiser conhecer mais sobre esses e outros experimentos de Shane pode acessar seu Tumblr oficial aqui (em inglês).

Cupons de desconto TecMundo: