Pokémon GO vai, aos poucos, fazendo com que o público volte a se interessar pelo conteúdo apresentado em seu conjunto, especialmente quando observamos os vários eventos que a Niantic vem organizando. Entretanto, parece que a caixa especial em comemoração ao aniversário de um ano do jogo e outros itens presentes na loja não fizeram os jogadores tupiniquim gastarem muito dinheiro real.

Falando ao UOL Jogos, a firma de pesquisa Sensor Tower revelou que o brasileiro gastou em média US$ 0,44 comprando PokéCoins para investir no game. O topo desse ranking foi ocupado pelos japoneses (US$ 26), enquanto os americanos ficaram com o segundo lugar (US$ 7,70).

A lista foi elaborada com base em dados coletados na AppStore e na Google Play entre os dias 6 de julho de 2016 e a mesma data deste ano. Abaixo, você confere a lista dos cinco países que mais gastaram em Pokémon GO:

  • Japão: US$ 26
  • Estados Unidos: US$ 7,70
  • Canadá: US$ 7,60
  • Austrália: US$ 6,20
  • Alemanha: US$ 6,10

Atualmente, os jogadores podem usar dinheiro real para comprar pacotes que vão de 100 PokéCoins a 14.500 PokéCoins, montantes que podem ser revertidos em recursos para usar no jogo. Na nossa moeda, o kit mais baixo custa R$ 3,19, enquanto o mais abastado sai por R$ 389,99.

Pacotes disponíveis em Pokémon GO e seus preços

Cifras bilionárias

Vale lembrar que Pokémon GO tem se mostrado cada vez mais rentável para a Niantic, ainda mais quando observamos que, neste mês, surgiu a notícia de que ele bateu a casa de US$ 1,2 bilhão em receita.

Outro detalhe é que a produtora pode aumentar as suas receitas com eventos como o Pokémon GO Fest, que vai acontecer em Chicago e teve todos os seus ingressos vendidos em pouquíssimo tempo.

Cupons de desconto TecMundo: