Depois dos drones militares inspirados na natureza, é a vez dos drones inspirados nas séries de televisão: a polícia do estado da Carolina do Sul, nos Estados Unidos, suspeita que alguém usou o robô voador para transportar ferramentas que possibilitaram que um presidiário conseguisse escapar da prisão.

Jimmy Causey, um preso de 46 anos, usou um alicate, um smartphone e outros utensílios para escapar de um presídio de segurança máxima. A polícia só se deu conta de sua ausência 18 horas depois e acredita que as ferramentas foram levadas para dentro do complexo prisional por um drone.

“Nós temos 100% de certeza que um ou mais celulares foram usados enquanto ele estava encarcerado e acreditamos que um drone foi usado para trazer as ferramentas que permitiram que ele escapasse”, explicou Bryan Stirling, diretor do Departamento Prisional da Carolina do Sul, para o jornal The New York Times.

Jimmy Causey, o protagonista do "Prison Break com um Drone"

O criminoso foi capturado na última sexta-feira em Austin, no Texas, a quase 2 mil quilômetros de distância do Lieber Correctional Institution, onde estava servindo uma pena de prisão perpétua por sequestrar seu advogado. Os agentes carcerários encontraram um boneco na cama de Causey, que foi usado para enganar os guardas.

Essa foi a segunda fuga do criminoso, que também conseguiu escapar da prisão em 2005 ao se esconder dentro de uma lata de lixo. “As pessoas não param mais sua vida criminosa atrás das grades. Eles podem até estar presos fisicamente, mas não virtualmente”, explicou Stirling.

É a vida imitando a arte, um Prison Break com elementos futuristas.

Cupons de desconto TecMundo: