O atacante uruguaio Luis Suarez foi do céu ao inferno na Copa do Mundo 2014. Autor de dois gols na vitória da equipe sul-americana contra a Inglaterra, Suarez se transformou no vilão da equipe ao morder o jogador Giorgio Chiellini, durante partida contra a seleção da Itália.

Durante o jogo, tanto o árbitro quanto o assistente não viram o incidente, mas o grande número de câmeras do estádio deixou claro o registro do que aconteceu. Por conta disso, Luis Suarez foi julgado na manhã de hoje (26) e recebeu nove jogos de suspensão – estando automaticamente fora do mundial.

De acordo com o jornal The Guardian, a Associação de Futebol do Uruguai, que teve a oportunidade de se defender sobre o caso, alegou que as supostas marcas de mordida que aparecem no jogador italiano foram feitas no Photoshop. “Vamos usar todos os argumentos possíveis para que Luis saia dessa situação da melhor maneira possível”, destacou Alejandro Baldi, advogado do jogador.

Com a punição, Luis Suarez já não enfrenta a seleção da Colômbia no próximo sábado, em partida válida pelas Oitavas de Final da competição. A Associação de Futebol do Uruguai ainda não se manifestou sobre a punição. Essa é a terceira vez que o jogador uruguaio é punido por morder um adversário durante a partida.

Cupons de desconto TecMundo: