(Fonte da imagem: Reprodução/Corsair)

Os water coolers são um produto relativamente novo no mercado brasileiro. Sim, eles já existem há um bom tempo e estão nas lojas há muitos anos, mas faz pouco tempo que alguns modelos começaram a ter preços acessíveis de forma que, aos poucos, cresce o número de usuários que adota essa solução para resfriar os componentes do computador.

Enquanto os coolers tradicionais utilizam o ar para resfriar os componentes, os water coolers, como o próprio nome diz, utilizam água ou alguma outra substância líquida para efetuar esse processo. Para entender um pouco mais como funciona esse sistema, vale a pena conferir o artigo “Como funcionam os sistemas de refrigeração a líquido”.

É seguro? E se a água vazar?

Muitas pessoas não veem com bons olhos a ideia de ter água circulando dentro do PC, com receio de que algo possa dar errado e ela possa vazar. Na verdade, em sistemas bem projetados esse risco de vazamento é quase zero. Além disso, não estamos falando de água pura circulando dentro do seu PC.

A água utilizada no sistema de resfriamento é misturada com um aditivo para radiadores, e o fluido não conduz eletricidade. Alguns modelos contam ainda com um líquido corante sensível à luz ultravioleta, o que faz com que a água brilhe se você tiver luzes de neon no gabinete.

Quando é o momento de comprar um water cooler?

Os coolers à base de água são peças fundamentais para os computadores em que a temperatura do processador é elevada. E aqui, vale uma ressalva: essa elevação de temperatura de que estamos falando se deve ao alto desempenho dos componentes, e não a eventuais problemas como desgastes da ventoinha ou da pasta térmica.

Quando a ventilação do gabinete não é a suficiente, a refrigeração a líquido auxilia a dissipar melhor o calor. Além da redução de temperatura, o resfriamento líquido reduz o nível de ruído e, por ser mais eficiente, aumenta a vida útil da CPU.

Gráfico com temperatura utilizando water cooler (no alto) e com air cooler. (Fonte da imagem: Reprodução/Overclock)

Porém, é importante ficar atento a outros detalhes, como o material de construção do dissipador. Os de prata são os melhores, seguidos pelos de cobre. Dependendo do modelo em questão, a diferença de temperatura pode ser pouco significativa para quem não é um overclocker. Por outro lado há a vantagem de que water coolers costumam ser menores

O processo de instalação de um water cooler não é dos mais complicados e, se você tiver um conhecimento mínimo do manuseio de componentes, poderá executar a tarefa sem maiores problemas. O Tecmundo já abordou o assunto no artigo “Como instalar um water cooler no computador”.

Os principais modelos disponíveis no Brasil

Agora que você já sabe um pouco mais sobre water coolers, chegou a hora de dar uma olhada em alguns dos modelos mais interessantes comercializados no Brasil. Levamos em consideração alguns produtos de quatro marcas: Thermaltake, Cooler Master, Corsair e Antec. Você poderá encontrar outras opções no site dos fabricantes.

Antec

Kuhler H2O 620

(Fonte da imagem: Reprodução/Antec)

O modelo 620 da Antec tem ventoinha de 120 milímetros e tempo estimado de vida de 50 mil horas. Com tubagem flexível, o modelo pode ser instalado em praticamente todas as orientações. Compatível com Intel LGA (1150 / 2011 / 1155 / 1156 / 1366) e AMD (AM2 / AM3 / AM2+ / AM3+ / FM1 / FM2). Preço médio no Brasil: R$ 250.

Kuhler H2O 920

(Fonte da imagem: Reprodução/Antec)

O modelo 920 da Antec possui duas ventoinhas de 120 milímetros e conta com dissipador de cobre de terceira geração. O radiador de 49 milímetros de espessura está disposto de forma a facilitar o melhor rendimento possível a todas as CPUs. Compatível com Intel LGA (1150 / 2011 / 1155 / 1156 / 1366) e AMD (AM2 / AM3 / AM2+ / AM3+ / FM1 / FM2). Preço médio no Brasil: R$ 300.

Cooler Master

Seidon 120M

(Fonte da imagem: Reprodução/Cooler Master)

Com radiador em alumínio e ventoinha de 120 milímetros, o modelo Seidon 120M da Cooler Master tem nível de ruído entre 19 e 40 decibéis. Compatível com Intel LGA (2011 / 1366 / 1156 /1155 / 775) e AMD (FM1 / AM3+ / AM3 / AM2). Preço médio no Brasil: R$ 250.

Corsair

Corsair Hydro Series H110 de 280 mm

(Fonte da imagem: Reprodução/Corsair)

Com radiador de 280 milímetros, o modelo possui duas ventoinhas de 140 milímetros de baixas rotações. A tubagem é fácil de dobrar e, com nível baixo de evaporação, garante a inexistência de fugas. Compatível com Intel LGA (1150 / 1155 / 1156 / 1366 / 2011) e AMD (AM2 / AM3 / FM1 / FM2). Preço médio no Brasil: R$ 550.

Corsair Hydro Series H100i Extreme Performance

(Fonte da imagem: Reprodução/Corsair)

Permite controle de velocidade do cooler e iluminação pela tela do computador. Possui 2 radiadores de 240 milímetros e 2 coolers de 120 milímetros. Compatível com Intel LGA (1150 / 1155 / 1156 / 1366 / 2011) e AMD (AM2 / AM3 / FM1 / FM2). Preço médio no Brasil: R$ 400.

Corsair Hydro Series H90 de 140 mm

(Fonte da imagem: Reprodução/Corsair)

O radiador e a ventoinha de 140 milímetros apresentam uma maior área de superfície do que os convencionais de 120 milímetros. Compatível com Intel LGA (1150 / 1155 / 1156 / 1366 / 2011) e AMD (AM2 / AM3 / FM1 / FM2). Preço médio no Brasil: R$ 360.

Corsair Hydro Series H80i High Performance

(Fonte da imagem: Reprodução/Corsair)

Permite monitoramento de temperatura de resfriamento pelo desktop e tem tubulação de grande diâmetro e baixa permeabilidade, com nível de ruído próximo a 37,68 decibéis. Compatível com Intel LGA (1150 / 1155 / 1156 / 1366/ 2011) e AMD (AM2 / AM3 / FM1 / FM2). Preço médio no Brasil: R$ 350.

Corsair Hydro Series H60 High Performance

(Fonte da imagem: Reprodução/Corsair)

Oferece alto desempenho com baixos níveis de ruído, com circuito fechado e de fácil instalação. Compacto, o modelo pode ser utilizado em praticamente qualquer gabinete. Compatível com Intel LGA (1150 / 1155 / 1156 / 1366 / 2011) e AMD (AM2 / AM3 / FM1). Preço médio no Brasil: R$ 250.

Corsair Hydro Series H55 Quiet

(Fonte da imagem: Reprodução/Corsair)

O design modular do produto simplifica o processo de instalação. A ventoinha é de 120 milímetros, com baixo nível de ruído. O design das hastes é otimizado para a troca de calor eficiente. Compatível com Intel LGA (1150 / 1155 / 1156 / 1366 / 2011) e AMD (AM2 / AM3 / FM1). Preço médio no Brasil: R$ 225.

Corsair Hydro Series H50 Quiet

(Fonte da imagem: Reprodução/Corsair)

Mais simples dos modelos da empresa, a H50 tem ventoinha de 120 milímetros e trocador de calor de alumínio preto de baixo perfil, que reduz os requisitos de fluxo de ar. Compatível com Intel LGA (1150 / 1155 / 1156 / 1366). Preço médio no Brasil: R$ 200.

Thermaltake

Water 2.0 Performer

(Fonte da imagem: Reprodução/Thermaltake)

O modelo conta com duas ventoinhas de 120 milímetros e base de cobre de alta performance. O sistema de selamento high-tech previne vazamentos. Compatibilidade com Intel LGA (2011 / 1366 / 1156 / 1155) e AMD (FM1 / AM3+ / AM3 / AM2+ / AM2). Preço médio no Brasil: R$ 400.

Water 2.0 Pro

(Fonte da imagem: Reprodução/Thermaltake)

O modelo conta com duas ventoinhas de 120 milímetros e radiador mais grosso, oferecendo uma maior superfície de dissipação. Compatibilidade com Intel LGA (2011 / 1366 / 1156 / 1155) e AMD (FM1 / AM3+ / AM3 / AM2+ / AM2). Preço médio no Brasil: R$ 450.

Water 2.0 Extreme

(Fonte da imagem: Reprodução/Thermaltake)

O modelo conta com radiador de 240 milímetros, o dobro da superfície tradicional de dissipação. Top de linha da empresa, não necessita de refil. Compatibilidade com Intel LGA (2011 / 1366 / 1156 / 1155) e AMD (FM1 / AM3+ / AM3 / AM2+ / AM2). Preço médio no Brasil: R$ 500.

Cupons de desconto TecMundo: