(Fonte da imagem: Reprodução / Yanko Design)

Se a computação nas nuvens é realmente o futuro, nada mais natural do que os computadores sofrerem uma grande revolução em tamanho e formato. Afinal, por que manter um equipamento grande quando praticamente todo o armazenamento é feito em um ambiente virtual?

É pensando exatamente nisso que um designer bolou o Spider Computer, um conceito de máquina portátil que mais parece uma aranha do que um PC, notebook, tablet ou qualquer outra coisa que você usa para se conectar. Desenhado por Nikolaus Frank, ela possui três hastes de suporte e uma estrutura cilíndrica que, quando armada, parece ter vida própria.

Mas o grande segredo não está em seu estranho formato, mas em seus recursos. Além de diminuir as dimensões de um PC consideravelmente, ele também dispensa o uso de teclado e monitor físicos. Como pode ser visto na imagem acima, ele projeta as teclas e as imagens em uma superfície plana, a partir de pequenos dispositivos instalados na parte superior.

Outro ponto interessante do Spider Computer é que, ao retrair as pernas, ele se transforma em um telefone celular — embora não se pareça nada com um. De acordo com o designer, graças a uma tela LCD circular, o dono do equipamento pode realizar operações básicas, como ligações e envio de mensagens.