(Fonte da imagem: eVolo)

Estabelecida em 2006, a Skycraper Competition da revista eVolo premia as ideias que melhor representam os edifícios do futuro. O objetivo é mostrar como novas tecnologias, materiais e noções estéticas podem ser incorporados às construções para torná-las mais compatíveis com um ambiente caracterizado pela globalização, flexibilidade, adaptabilidade e pela revolução digital.

A cada edição do prêmio, são reveladas ideias que, se não totalmente malucas, mudam bastante o que estamos acostumados a chamar de prédios. O vencedor de 2012 foi o “Himalaya Water Tower”, construção localizada no topo de uma cadeia de montanhas, capaz de armazenar água e regular os nutrientes do ambiente que a rodeia.

(Fonte da imagem: eVolo)

Outra ideia que se destaca foi batizada como “Monument to Civilization: Vertical Landfill for Metropolises”, uma torre gigantesca que atua como um depósito de lixo. Além de acumular materiais indesejáveis, o local os utiliza para gerar energia elétrica para os demais edifícios da região. A construção também tem o objetivo de poupar dinheiro no transporte de dejetos, que não precisariam mais ser levados até áreas distantes.

Segundo a eVolo, a escolha dos vencedores foi baseada em sua capacidade de estabelecer discussões entre os espaços públicos e privados, mostrando a responsabilidade individual e coletiva na criação de uma comunidade adaptável e dinâmica. O prêmio prioriza novos talentos, cujas ideias vão mudar a arquitetura e a relação que temos com a natureza. Confira em nossa galeria as imagens dos 20 prédios futurísticos escolhidos em 2012.