(Fonte da imagem: Design Boom)

A Ferrari apresentou na última sexta-feira (22 de julho) os vencedores do World Design Contest 2011. A competição, que reuniu 50 escolas ao redor do mundo, tinha como objetivo o desenvolvimento de um automóvel com características que refletissem mudanças sociais e inovações técnicas, sem sacrificar o desempenho e aparência característicos da companhia.

O primeiro lugar foi conquistado por um projeto desenvolvido pelos designers sul-coreanos Kim Cheong Ju, Ahn Dre e Lee Sahngseok, da Universidade de Hongik. Com o nome Eternita, o carro criado pelo time possui corpo feito totalmente em fibra de carbono e lítio, resultando em um veículo leve e capaz de produzir por si próprio a energia necessária para iniciar seu sistema elétrico.

O Eternita possui um motor alimentado por hidrogênio, que transforma os quilômetros percorridos em eletricidade, armazenada por uma bateria interna. O projeto também vem equipado com a tecnologia Maglev System Wheels, que reduz a fricção causada pelos pneus para assegurar maior conforto ao motorista em qualquer tipo de terreno.

Cerca de 400 projetos foram avaliados entre novembro de 2010 e fevereiro de 2011 para se chegar ao ganhador. O único pré-requisito estipulado pela fabricante de carros era que os competidores utilizassem o software AutoCAD, através do qual deveriam criar modelos bidimensionais e tridimensionais de seus projetos. A etapa final era a produção de uma miniatura com escala 1:4, com ênfase no desenvolvimento das características internas dos veículos.