Agora que o Galaxy S7 já tem um ano de mercado, seus preços começaram a ficar realmente atraentes. Isso porque o celular é de altíssima qualidade e, vez ou outra, acaba sendo comercializado por valores inferiores a R$ 2 mil. Ou seja, é um smartphone que virou sinônimo de ótimo custo-benefício na categoria dos top de linha. Por isso, a gente resolveu compará-lo ao OnePlus 3T, que foi feito justamente para competir com os melhores dispositivos do mercado e oferecer um preço baixo.

O celular da OnePlus tem um hardware significativamente superior ao do Galaxy S7 por ser mais novo e por ser um aparelho feito para entusiastas. Portanto, você encontra aqui mais RAM e mais opções de armazenamento. Para deixar as coisas mais interessantes, vamos colocar no bolo o S7 Edge também. Com isso esclarecido, vamos ao comparativo de fato.

Versão do Sistema OperacionalAndroid 6.0 MarshmallowAndroid 6.0 Marshmallow atualizável para 7.1 Nougat
Tipo de TelaSuper AMOLED com 16 milhões de coresAMOLED com 16 milhões de cores
Tamanho de Tela5.1 polegadas5.5 polegadas
Resolução de Tela2560 x 1440 pixels1920 x 1080 pixels
ChipsetQualcomm MSM8996 Snapdragon 820 / Exynos 8 Octa 8890Qualcomm MSM8996 Snapdragon 821
Memória RAM4 GB de RAM6 GB de RAM
Armazenamento Interno32/64 GB64/128 GB
Cartão de MemóriamicroSD, expansível até 200 GBNão
Câmera Traseira12 MP, abertura f/1.7, sensor de 1/2.6', pixels de 1 µm, com resolução máxima de 4032 x 3024 pixels16 MP, abertura f/2.0, sensor de 1/2.8", pixels de 1.12 µm, com resolução máxima de 5312 x 2988 pixels
Capacidade de Bateria3000 mAh3400 mAh

Qual tem mais desempenho?

Não é surpresa alguma que o OnePlus 3T tenha um desempenho superior ao do Galaxy S7. Só o fato de o modelo da Samsung ter sido lançado no começo do ano passado, em comparação com o lançamento no final de 2016 do 3T, já é suficiente para gerar uma diferença em questão de processamento. Ou seja, o Snapdragon 821 do celular da OnePlus é consideravelmente mais poderoso que o Exynos 8890 do S7 e do S7 Edge.

Além disso, o 3T tem 50% a mais de memória RAM, 6 GB contra 4 GB do modelo da coreana. É necessário ressaltar que, em minha opinião, isso é um tanto exagerado, mas tem sim seu impacto no desempenho do smartphone. Ele consegue rodar vários games pesados “simultaneamente”, permitindo que você alterne entre um e outro pelo gerenciador de tarefas sem ter que recarregar tudo de novo.

Consequentemente, para uso cotidiano ele faz tudo direitinho: lida com navegação web, apps de redes sociais e mensageiros sem qualquer dificuldade. Dá para dizer a mesma coisa do S7 e do S7 Edge, mas eles simplesmente não têm a mesma capacidade do 3T para dar conta de tantas tarefas pesadas simultaneamente.

Qualidade em fotografia

Nesse tópico, os modelos da Samsung deixam o OnePlus 3T para trás. As fotos feitas com eles conseguem representar as cores com fidelidade, apesar do tom mais saturado, e capturam uma quantidade absurda de detalhes. O foco também é muito rápido e preciso. Esses dois são aqueles smartphones que tiram ótimas fotos não importa a condição de iluminação.

Fotos feitas com o S7/S7 Edge

Fotos feitas com o OnePlus 3T

O 3T, por sua vez, também se mostrou versátil, mas é notável a queda na qualidade das imagens. Esse celular tem um tom de cor mais realista, na minha opinião, mas ele tende a lidar um pouco pior com o equilíbrio de luz na comparação com o S7. Assim, é mais comum ver fotos com áreas estouradas no 3T. Além do mais, ele captura menos detalhes, e o foco está longe de ser tão preciso quanto o da Samsung.

No design é fácil decidir, né?

Não tanto. O S7 e o S7 Edge são realmente mais bonitos que o 3T por conta de seus corpos brilhosos e cheios de curvas elegantes, mas é preciso considerar também o aspecto da durabilidade nesse tópico. Por esse viés, dá para dizer que o OnePlus é superior, já que conta com uma carcaça de metal muito bonita e durável, diferente do vidro relativamente frágil do S7. Ainda assim, o acabamento da Samsung é melhor, e você nota isso nos pequenos detalhes, como botões e transição de materiais.

Android personalizado e “semi-personalizado”

O estilo gráfico me parece datado, bem como as animações e transições

Você provavelmente já sabe que nós aqui do TecMundo gostamos mais do Android Puro do que das interfaces personalizadas das marcas. Eu sou uma dessas pessoas e não consigo engolir muito o visual do software da Samsung. Para mim, ele parece bagunçado, com ferramentas demais e de utilidade questionável. Fora isso, o estilo gráfico me parece datado, bem como as animações e transições. No Galaxy S8, a Samsung corrigiu praticamente tudo isso, mas o S7 ainda não ganhou uma atualização com o novo visual, se é que vai ganhar.

Por isso, a interface do OnePlus 3T me parece bem mais bonita. Ela é muito mais simples, tem diversas opções de personalização e permite até mudar o tema do celular sem flertar com o brega, como é o caso nos aparelhos da Samsung. Fora isso, tudo o que a OnePlus coloca em seu software tem uma utilidade clara, coisa que a concorrente não pode dizer.

O OnePlus 3T já está com o OxygenOS 4.0.3 (baseado no Android 7.0) há algum tempo, mas o Robô mais atual só está chegando ao reino da Samsung agora que o Android 8 começou a ser testado. Ou seja, a Samsung só entrega atualizações quando já está na hora de entregar a próxima.

Veja melhor

Por maiores que sejam suas críticas à Samsung, é necessário admitir que a empresa é a que entrega as melhores telas para smartphones em todo o mundo. Como o S7 e o S7 Edge são os top de linha do ano passado, a fabricante caprichou no seu Super AMOLED. Os dois dispositivos da coreana mostram uma reprodução de cor incrível, muito brilho e muito contraste. O display Optic AMOLED do OnePlus 3T não é ruim, mas não se compara ao da concorrência.

É necessário mencionar também que o S7 Edge tem esse sufixo por conta da tela curvada nas laterais, que dá um visual futurista e agradável para o modelo, além de exibir as capacidades industriais da Samsung. Ah! E a resolução nos celulares da Samsung é bem superior, 2K contra Full HD, o que torna os Galaxy ótimos para realidade virtual.

Mais bateria

É possível passar um dia e meio longe das tomadas com qualquer um dos três aparelhos. Ou seja, a autonomia é praticamente a mesma em todos eles. Contudo, como a capacidade de carga do S7 comum é inferior à dos outros dois, ele tem potencial para ficar “mais fraco” nesse sentido com o tempo.

Fora isso, o OnePlus 3T tem um sistema de carregamento mais rápido, além do plugue USB-C, que já é o novo padrão dos top de linha da atual geração. Por outro lado, os aparelhos da Samsung são à prova d'água, enquanto o 3T não é.

Biometria

Os leitores de digitais dos três smartphones são rápidos e precisos, mas o do OnePlus 3T tem um melhor desempenho. Você toca no botão home, e a tela já acende desbloqueada e com muita rapidez. Fora isso, ele permite cadastrar um dedo a mais que os modelos da Samsung, o que talvez possa fazer a diferença para alguns usuários.

O preço é determinante

Como sempre, a questão do custo é a mais importante. Como o OnePlus 3T não é vendido no Brasil, você precisa importá-lo. Com isso, vem a taxa da alfândega que adiciona 60% sobre o valor da nota fiscal. Isso deixa o 3T com um preço muito volátil e alto, mas, ainda assim, comparável ao dos Galaxy S7 e S7 Edge.

Na GearBest ou em outras lojas online de importação, é possível encontrar o OnePlus 3T por algo entre US$ 440 e US$ 500. Assim, o valor em reais varia de R$ 1,4 mil a R$ 1,6 mil aproximadamente. Com o imposto, o celular pode custar algo entre R$ 2 mil e R$ 2,5 mil. O Galaxy S7 está custando cerca de R$ 2 mil atualmente, enquanto o S7 Edge varia entre R$ 2,2 mil e R$ 2,4 mil.

Portanto, todos estão praticamente na mesma faixa de preço. Sendo assim, considerando que o hardware da Samsung consegue dar conta de tudo o que existe na Google Play sem qualquer problema, e que as câmeras e a tela do S7 são melhores que as do OnePlus 3T, posso dizer que o celular da coreana é a melhor opção aqui. Mas, se você achar um jeito mais barato de importar o 3T, talvez pedindo para alguém trazer do exterior, ele é a escolha mais adequada por contar com um hardware monstruoso e sair muito barato na conversão simples de dólar para real.

Opções de compra:

Cupons de desconto TecMundo: