Os atuais aparelhos que reproduzem discos Blu-ray não possuem compatibilidade com as televisões HD mais antigas, aquelas que ainda não tinham entrada HDMI. Porém, se você quiser assistir a filmes nesse formato usando um aparelho antigo, saiba que é possível.

HDMI x Vídeo Componente

Cabos vídeo componente e de áudio para televisões antigas. (Fonte da imagem: Reprodução/Tecmundo)

A entrada que existe nos modelos mais velhos de televisões HD é compatível com os cabos vídeo componente. Antigamente, para as televisões de tubo, esses cabos vinham em três cores: amarelo para o vídeo, branco e vermelho para o áudio. Nas TVs HD isso mudou um pouco, sendo que, apenas para o vídeo, são usados três cabos: vermelho, verde e azul.

Os novos aparelhos usam cabos HDMI que, ao contrário do vídeo componente, são digitais. Isso quer dizer que a qualidade suportada por eles é maior do que a analógica dos cabos antigos. Existem adaptadores que prometem fazer essa conversão para permitir que você use um cabo HDMI em uma TV apenas com a entrada para vídeo componente, mas eles não são totalmente confiáveis.

Cabo HDMI, a solução digital adotada nos aparelhos mais recentes. (Fonte da imagem: Reprodução/Tecmundo)

A melhor solução

Para que você consiga assistir a filmes em Blu-ray em uma televisão assim, é preciso usar um player antigo, que ainda possua esse tipo de saída de vídeo. Não é preciso ir muito longe, pois os modelos de 2010 ainda traziam essa alternativa e podem ser usados sem problemas. Você vai precisar dos cabos vídeo componente de vídeo e dois cabos RCA para o áudio, que provavelmente vêm junto com o aparelho.

A única perda é que esse tipo de cabo não suporta o vídeo em 1080p, a resolução considerada Full HD, apenas 1080i, um pouco inferior. Isso não chega a ser tão perceptível, até porque quase todas as televisões HD mais antigas já não suportam mesmo a máxima qualidade. O áudio também é limitado, mas você não vai sentir a diferença se estiver usando as caixas de som embutidas da TV.

Cupons de desconto TecMundo: