Imagem de: PayPal pode aceitar Bitcoins em pagamentos

PayPal pode aceitar Bitcoins em pagamentos

1 min de leitura
Avatar do autor

Ilustração BitCoins (Fonte da imagem: Reprodução/CBT Nuggets)

O gigante do comércio digital, PayPal, está estudando formas de incorporar as Bitcoins à sua rede de pagamento, disse John Donahoe, CEO da empresa, em entrevista ao Wall Street Journal. A integração daria considerável legitimidade à moeda virtual, aumentando as possibilidades de sua aceitação (e do PayPal como um todo) em lojas de varejo.

Embora nenhum compromisso tenha sido firmado, o chefe-executivo afirma estar observando a moeda de perto. Segundo ele, as Bitcoins trazem à memória sites de compartilhamento de músicas como Kazaa e Napster, que, embora tenham violado direitos autorais, ajudaram a dar origem a páginas legítimas, como Pandora e Spotify.

Aceita por poucos varejistas, a moeda é utilizada principalmente por especuladores, que buscam obter lucros a partir de flutuações nos preços. Apenas no mês de abril, as Bitcoins variaram entre US$ 50,01 e US$ 266 (aproximadamente entre R$ 100,63 e R$ 533,33).

Regulação e estudos

O Departamento de Tesouro dos Estados Unidos pretende aplicar regras de lavagem de dinheiro às moedas virtuais, o que significaria que os responsáveis por cada uma delas passariam a ter que lidar com regulamentos similares aos fornecedores de dinheiro tradicionais.

Além do PayPal, outras empresas vêm estudando a utilização das Bitcoins em seus pagamentos. A Coinsetter deve permitir nas próximas semanas que seus participantes negociem a moeda usando dinheiro emprestado. Enquanto isso, companhias como Western Union e MoneyGram International analisam formas de possibilitar que seus clientes transfiram dinheiro pelo mundo todo usando os valores virtuais. 

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
PayPal pode aceitar Bitcoins em pagamentos