Quem costuma realizar compras em sites internacionais como o eBay e Amazon sabe que a data de entrega nessas lojas parece ser definida por uma pequena loteria. Ao mesmo tempo em que alguns pacotes chegam dentro do prazo, outros demoram até quatro meses antes de chegar às mãos do consumidor, sendo que nem mesmo empresas têm escapado da espera.

Tudo isso resultou no envio de um comunicado oficial do eBay culpando a Receita Federal brasileira pela demora na chegada de produtos ao país – fenômeno crescente desde março, quando foi iniciada a Operação Maré Vermelha, realizada para combater fraudes no comércio exterior.

De acordo com a Receita, a operação determina que todas as mercadorias passem por scanner. Aquelas sujeitas à tributação são retidas então por um prazo de até 90 dias, quando esperam a ação de outros órgãos, como os Correios e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária.

Ao mesmo tempo, desde maio as paralisações resultantes da greve dos servidores da Receita têm complicado ainda mais a situação de quem espera produtos comprados fora. Enquanto isso, o advogado Felippe Breda, em entrevista ao jornal Folha de São Paulo, recomenda a empresas que procurem a Justiça para liberar suas mercadorias.

Fonte: Folha de São Paulo

Cupons de desconto TecMundo: