(Fonte da imagem: Reprodução/TouchNokia)

A Nokia não vai facilitar o trabalho do Google em tornar o VP8 o novo codec-padrão de vídeos online. A empresa finlandesa deve usar o seu sistema de patentes para impedir que o codec suportado pelo Google seja adotado como uma alternativa livre para o H.264.

Atualmente, o H.264, também conhecido como AVC ou MPEG-4 parte 10, é o mais novo padrão na codificação de vídeos para a internet. Porém, o H.264 é licenciado (pago) e o VP8 é totalmente gratuito.

Nem tão livre assim

Mas essa conversa de gratuito não foi digerida pela Nokia. De acordo com uma declaração da companhia dada ao blog especializado FOSS Patentes, o VP8 não é verdadeiramente livre. A empresa descreve o codec como uma “tecnologia proprietária” que não oferece “nenhuma vantagem” sobre o H.264 e que o Google está “tentando forçar” a implantação do VP8 como parte do projeto WebM.

Além disso, a Nokia afirma que o VP8 infringe suas próprias propriedades intelectuais e diz que não está disposta a licenciar quaisquer patentes que podem ser necessárias para que o codec suportado pela Google possa vingar.

Cupons de desconto TecMundo: