Quando chegou ao futuro de 2015 em 21 de outubro (sim, esta quarta-feira!), Marty McFly não encontrou "Tubarão 19", um hoverboard funcional, um fax em cada cômodo da casa e o fim dos advogados. Um DeLorean voador também não existe — mas um modelo igual com uma tecnologia igualmente impressionante já está rodando por aí.

Engenheiros da Universidade de Stanford desenvolveram um DeLorean autônomo (ou seja, que se dirige sozinho) para estudar o desempenho de carros em situações consideradas "extremas".

Desse modo, é possível saber como esses veículos reagem não só no trânsito cotidiano, mas também se precisarem acionar protocolos de segurança. No caso do clipe, ele realiza drifts infinitos e consegue se manter estável, o que é um sinal de sucesso. Ah, é claro que o DeLorean recebeu um nome especial: MARTY (Multiple Actuator Research Test bed for Yaw control).

Dia histórico

Caso você esteja boiando completamente na data de hoje, saiba que 21 de outubro de 2015 é aguardado pelos fãs de cinema desde 1989. Isso porque, em "De Volta para o Futuro 2", Marty McFly vai da década de 1980 para os dias de hoje (um longínquo futuro, na época). No vídeo acima, o Mega Curioso lista 13 fatos que deixariam o personagem de cabelo em pé se isso realmente acontece.

Com o que Marty McFly mais se assustaria em 2015? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: