De acordo com o CEO da IMAX, Georg Foster, a companhia de tecnologia para os cinemas está dando um grande passo em direção a um ecossistema bastante furtivo. Em 2018, será lançado o primeiro filme gravado inteiramente com câmeras IMAX, ou seja, totalmente compatível com as salas 3D da marca pelo mundo. Esse primeiro título será a “parte 1” de Avengers: Infinity War.

A segunda parte dessa história chegará aos cinemas no ano seguinte, em 2019, também completamente gravada em IMAX. Antes disso, o filme que mais utilizou a tecnologia da empresa nos cinemas até agora foi Interstellar, de Christopher Nolan, que tinha mais de uma hora de cenas em IMAX.

“Os Russos (os diretores) vão passar os próximos 15 meses ou algo assim desenvolvendo a produção do filme dos Vingadores com essas câmeras em mente. Eles não estão pensando nisso uma semana antes de começarem a gravação ou apenas focando em uma parte importante da produção. Isso é algo que nunca aconteceu antes”, explicou Foster ao Variety.

A IMAX está desenvolvendo todo um ecossistema em volta da sua tecnologia. A empresa já tem centenas de salas com telas gigantes e projeção 3D de alta qualidade pelo mundo, e ainda lançou recentemente um novo projetor a laser que melhora significativamente as imagens. Fora isso, os primeiros filmes feitos inteiramente com suas câmeras começaram a aparecer. Pelo que parece, essa será uma tendência de todo blockbuster daqui para frente.

Cupons de desconto TecMundo: