Homem recebe prótese que o faz enxergar depois de 33 anos cego

1 min de leitura
Imagem de: Homem recebe prótese que o faz enxergar depois de 33 anos cego
Avatar do autor

As próteses têm melhorado significativamente nos últimos anos, permitindo que pessoas com deficiências dos mais variados tipos consigam melhorar sua qualidade de vida.

Um bom exemplo desses avanços é o olho biônico Argus II implantado em Larry Hester, um homem que estava completamente cego há mais de 33 anos devido a um problema crônico de degeneração da retina.

O procedimento médico envolveu o implante de 60 eléctrodos que apontam para o nervo ótico do paciente. O aparelho permite que Larry consiga distinguir áreas claras de escuras, mas ele é considerando ainda legalmente cego, já que é difícil a distinção de objetos.

Apesar do estado embrionário do projeto, os pesquisadores do Centro do Olho da Universidade de Duke e a Scond Sight Medical Products, nos Estados Unidos, estão otimistas com a prótese, que ainda tem muito potencial para receber melhorias.

Cupons de desconto TecMundo:

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Homem recebe prótese que o faz enxergar depois de 33 anos cego