(Fonte da imagem: Yngve Vogt/Apollon-UiO)

Duas equipes internacionais de cientistas estão competindo para saber qual será a primeira a criar o elemento químico mais pesado do Universo. Localizados na parte de baixo da tabela periódica, os elementos químicos superpesados têm número atômico acima de 104.

O elemento químico mais pesado conhecido atualmente é chamado temporariamente de Ununoctium e foi descoberto em 2002. O desafio dos cientistas agora é produzir o que seriam os elementos químicos de números 119 e 120.

A equipe 1 é conduzida por Jon Petter Omtveldt, professor de Química Nuclear na Universidade de Oslo, e conta com cientistas do Japão, da Europa Ocidental e dos Estados Unidos. Já o segundo grupo é composto por russos e norte-americanos e está sediado no Instituto de Pesquisa Nuclear de Dubna, na Rússia.

Apenas criar um novo elemento não é o suficiente para que ele seja reconhecido. Os resultados precisam ser catalogados e replicados em outro laboratório para que a experiência seja comprovada. Caso funcione, os resultados permitirão que os pesquisadores estudem a formação dos elementos já existentes, ampliando as possibilidades de aperfeiçoamento de uso de suas características.

Cupons de desconto TecMundo: