Gadget que gruda no pescoço ajuda a diagnosticar o coronavírus

1 min de leitura
Imagem de: Gadget que gruda no pescoço ajuda a diagnosticar o coronavírus
Imagem: Northwestern University
Avatar do autor

Pesquisadores da Northwestern University em parceria com a empresa norte-americana Shirley Ryan AbilityLab desenvolveram o primeiro dispositivo vestível do mundo capaz de monitorar continuamente o avanço da covid-19 em pacientes e até e diagnosticar casos suspeitos de infecção pelo novo coronavírus.

O aparelho é uma espécie de adesivo maleável posicionado no pescoço como se fosse um band-aid, mais precisamente na região supraesternal — a parte da garganta que fica entre as clavículas). A parte do corpo foi escolhida por permitir o monitoramento mais preciso de uma série de sinais vitais. Ele pode ser utilizado durante todo o dia ou apenas para consultas eventuais, e pode ser sincronizado com um iPad para transferência imediata de dados por uma interface personalizada.

Em tempo real, o adesivo produz uma série de relatórios a respeito da doença. Eles vão desde sinais mais comuns, como batimentos cardíacos e temperatura corporal, até intensidade e padrões de tosse ou movimento da respiração. Todas essas informações são analisadas por algoritmos desenvolvidos especialmente pelos órgãos responsáveis para trabalhar com diagnósticos do novo coronavírus, mas isso pode ser modificado para outras doenças no futuro.

O wearable é confortável, leve e de fácil aplicação.O wearable é confortável, leve e de fácil aplicação.Fonte:  Northwestern University 

A ideia é que a plataforma ajude profissionais da saúde a acompanharem pacientes já diagnosticados e em tratamento, identificando eventuais pioras ou o avanço no uso de remédios, além de identificar o mais rápido possível os sintomas em casos suspeitos — como pacientes em triagem ou até profissionais da área da saúde que estão em contato direto com infectados.

Por enquanto, o equipamento está em período de testes, sendo utilizado por 25 pacientes dos Estados Unidos que possuem um plano de saúde parceiro dos laboratórios envolvidos na pesquisa.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Gadget que gruda no pescoço ajuda a diagnosticar o coronavírus