As vendas do Chromebook estão crescendo, impulsionadas principalmente e pelo setor de educação norte-americano. No entanto, apesar desse aumento de procura por máquinas com o sistema operacional da Google, elas continuarão como um nicho de mercado para os próximos cinco anos, de acordo com a empresa de consultoria Gartner.

A empresa também identifica o principal desafio para a captação, que são os fornecedores chegando com modos de trazer uma arquitetura baseada em nuvem que poderia oferecer aos usuários uma vantagem para os computadores que não são projetados para estar sempre online. Desse modo, o Chromebook ainda precisa de recursos que substituam aplicativos para se popularizar ainda mais.

Crescendo aos poucos

Segundo a Gartner, os notebooks quem rodam o Chrome OS da Google poderão chegara 5,2 milhões de unidades vendidas neste ano (até 79% a mais em relação ao ano passado). Em 2017, há a previsão de que os Chromebooks quase tripliquem as vendas, chegando a 14,4 milhões de unidades.

No mês passado, a consultoria já havia informado que espera que um total de 308 milhões de PCS sejam vendidos neste ano (incluindo laptops, desktops, ultra mobiles e híbridos), junto com 256 milhões de tablets. Assim, os Chromebooks ainda continuam com um pequeno número no total.

O aumento dos níveis de crescimento de máquinas com Chrome OS está sendo conduzido por mais fornecedores que optam por construir as máquinas pensando no crescimento para além do mercado de computadores, segundo a Gartner. Atualmente, existem oito modelos de Chromebook disponíveis.

A Samsung e a Acer, que foram pioneiras na fabricação de máquinas com Chrome OS, foram os fornecedores dominantes em 2013. A Samsung enviou 1,7 milhão de unidades para o mercado para ter uma quota de 64,9%, enquanto a Acer ficou com 21,4%. Além dessas empresas, há a HP (6,8%), Lenovo (6,7%) e Dell (0,3%). Logo abaixo, você pode conferir um gráfico de vendas:

Gráfico de vendas

O setor de educação foi o responsável por quase 85% das vendas do Chromebook. Além disso, a América do Norte foi a maioria de mercado, com 82% dos 2,9 milhões de Chromebooks vendidos em 2013.

Cupons de desconto TecMundo: