(Fonte da imagem: Divulgação/Google)

Desde que a Google revelou o lançamento do Chromebook Pixel no início do ano, pouco se ouviu falar sobre a linha de dispositivos — nem mesmo durante o I/O 2013 eles foram mencionados. A empresa quebrou o silêncio sobre o assunto na última segunda-feira (17), quando divulgou que fez acordos com o Wallmart, Staples, Office Depot, Office Max, Fry’s e TigerDirect para distribuir o produto.

Com isso, a companhia efetivamente triplicou o número de canais pelos quais os consumidores vão conseguir obter um Chromebook — até então, somente o Best Buy e a Amazon vendiam os dispositivos. A organização prometeu que uma seleção de novos gadgets com a marca começará a ser vendida a partir do verão norte-americano (entre junho e setembro), devendo receber novas adições “nos próximos meses”.

A Google também espera aumentar sua rede de distribuição nos países nos quais o produto foi introduzido em 2012. O objetivo é trazer o notebook a 6,6 mil lojas espalhadas por todo o mundo, algo que deve ajudar a companhia a conquistar uma fatia maior do mercado consumidor.

Cupons de desconto TecMundo: