Graças à insistência do Google, todos os Chromebooks lançados em 2017 devem sair de fábrica com a capacidade de reproduzir aplicativos do Android. Com isso, qualquer consumidor pode tirar seu novo dispositivo da embalagem e começar a desfrutar de uma grande coleção de softwares disponíveis na Google Play Store.

A revelação foi feita através de uma linha de texto na página oficial do Chromebook, que afirma que “todos os chromebooks lançados em 2017 e depois assim como os aparelhos listados acima vão trabalhar com apps do Android em um futuro próximo”. A decisão deve beneficiar principalmente aos consumidores, que devem ganhar mais opções de produtividade e ferramentas de entretenimento como resultado.

A decisão deve beneficiar principalmente aos consumidores

Isso também deve permitir que o sistema se mostre mais competitivo ao Windows e ao Mac OS, que contam com uma biblioteca rica de aplicativos. Resta esperar para ver se isso vai se refletir em um maior número de vendas e na disponibilidade de uma maior variedade de hardwares (de preferência com preços mais acessíveis) ao redor do mundo.

Cupons de desconto TecMundo: