Chromebooks mais rápidos estão na rota da Google. (Fonte da imagem: Divulgação/Samsung)

O Chromebook, notebook que embarca o Chrome OS, sistema operacional da Google baseado nas nuvens, ainda nem chegou ao Brasil e a empresa já pensa em uma atualização para a linha de máquinas que levam seu SO. Em entrevista ao Cnet, Sundar Pichai, vice-presidente sênior do Chrome, afirmou que computadores mais rápidos estão a caminho, para a alegria de quem pensa em adquirir um PC com Chrome OS.

“Nós permanecemos empolgados com os Chromebooks. Nós tivemos vários feedbacks positivos, e estamos realmente olhando para frente para a próxima geração de Chromebooks”, garantiu o executivo. A ideia, segundo ele, seria aprimorar ainda mais os níveis de velocidade, simplicidade e segurança das máquinas que levam o sistema operacional da Google.

Ainda de acordo com Pichai, devido ao ciclo de atualizações do Chrome OS, que traz melhorias ao sistema a cada seis semanas, o que se tem hoje já é muito superior ao que existia na época do lançamento do SO. Entretanto, a velocidade ainda pode deixar a desejar, visto que o foco dos Chromebooks são aparelhos de baixo consumo de energia e de preços mais acessíveis.

Conforme relato do entrevistador do Cnet, o Chromebook deixou a desejar mesmo em funções simples para as quais estaria preparado, como carregar vários aplicativos  baseados na web, rodar jogos em Flash ou abrir mais de 15 abas (o Chrome OS funciona igual ao Google Chrome). Se esse for o padrão dos Chromebooks, é bom que a Google se apresse logo se quiser realmente emplacar seu sistema operacional.

Cupons de desconto TecMundo: