A emoção foi tanta que perdemos o foco. (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo

Hoje, o pavilhão sul da CES 2012, em Las Vegas (EUA), estava superlotado, com direito a empurra-empurra e gritos histéricos. Não, não era nenhuma tecnologia nova ou lançamento de celular: Justin Bieber havia chegado ao estande da Tosy Robotics.

Em menos de 20 minutos, Bieber chegou sob uma chuva de flashes, distribuiu autógrafos e sorrisos para um seleto grupo de convidados da empresa e foi embora, para a decepção das fãs que se amontoavam em cima da fita de contenção.

O astro pop não foi o único famoso a participar da feira. A SMS Audio, por exemplo, trouxe o rapper 50 Cent para promover sua linha de fones de ouvido. Mas o que Justin Bieber tinha a ver com uma empresa que desenvolve tecnologias robóticas?

Enquanto esperávamos pelo cantor, dois engenheiros da Tosy lamentavam a escolha de trazer Bieber para promover os produtos. Na opinião de um deles, a empresa deveria ter dois estandes: um para a muvuca causada pela visita de Justin Bieber e outro para mostrar o real potencial dos produtos.

Em uma estratégia de promoção forçada e sem propósito claro, a Tosy Robotics fez seu nome ficar conhecido ao ser atrelado a Bieber, mas seus produtos continuam no underground.

Enfim, nós fomos até o estande da Tosy na esperança de que Bieber cantasse, dançasse ou falasse algo sobre tecnologia da Tosy, mas tudo o que ele fez foi dar uma passadinha pra lá de rápida pela multidão. Aliás, foi tanta emoção que a câmera até perdeu o foco. Lamentamos. 

Para deixar claro, não estamos criticando o cantor, mas apenas questionamos a estratégia adotada pela Tosy Robotics para apresentar seus produtos.

Cupons de desconto TecMundo: