A PROTESTE Associação de Consumidores analisou  ofertas de duas das maiores seguradoras (Porto Seguro e Bradesco) para proteção de equipamentos eletrônicos e chegou à conclusão de que pode realmente valer a pena contratar estes serviços — principalmente pela garantia de que isso pode evitar prejuízos maiores em caso de perdas, quebras ou danos menores.

Em relação às vantagens de cada um deles, os dois possuem superioridade em alguns casos. A Porto Seguro possui planos a preços mais baixos do que a concorrente, mas a Bradesco pode ser uma indicação melhor para outros consumidores — principalmente porque os planos contemplam também proteção contra furto e roubo mesmo nas opções mais básicas.

De acordo com a PROTESTE, as seguradoras fazem cobertura de ”smartphones, tablets, notebooks, câmeras fotográficas e filmadoras” — sendo que os valores variam de acordo com o preço do aparelho que está sendo protegido.  

  • Porto Seguro: abrange prejuízos de quebra, queda, amassados e arranhadura, provocados por incêndio, raio, explosão e colisão de veículos, por exemplo.
  • Bradesco: garante a indenização por roubo e furto nessa cobertura básica, além de cobrir outros danos materiais.

Fique atento

É claro que os contratos podem esconder alguns detalhes que nem todos percebem, por isso a PROTESTE recomenda que todos fiquem atentos às condições da apólice para evitar surpresas desagradáveis. Nisso, a Associação de Consumidores cita a carência dos seguros e também a abrangência geográfica, além dos riscos que não são cobertos.

Você faria seguro para o seu smartphone ou computador? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: