Um dos rumores mais aleatórios do mês passado foi confirmado: a Pepsi, mais conhecida como marca de refrigerantes, acaba de entrar no mercado de smartphones.

O Pepsi Phone, também chamado de P1, foi oficialmente apresentado e pode ser lançado em dezembro deste ano. Porém, os mercados são bem limitados e pode ser que o celular nem chegue a ver a luz do dia.

Fora uma skin padronizada com as cores da marca e a logo descolorida na traseira, não há grandes indicativos de que o celular realmente tenha a Pepsi como origem.

Especificações técnicas

  • Sistema operacional: Android 5.1
  • Tela: 5,5" Full HD
  • Processador: octa-core MediaTek MT6792 de 1,7 GHz
  • Memória RAM: 2 GB
  • Armazenamento interno: 16 GB
  • Câmera: 13 MP (traseira) e 5 MP (frontal)
  • Bateria: 3.000 mAh

Ele será vendido primeiro a partir de um serviço de financiamento (crowdfunding) que se chama JD Finance, uma espécie de Kickstarter asiático. Para levar um Pepsi Phone para casa, são duas as possibilidades: contribuir com o valor simbólico de 1 yuan (a moeda da China, que equivale a R$ 0,58) e fazer parte de um sorteio de 500 modelos ou adquirir uma unidade diretamente pelo equivalente a R$ 291 ou mais.

Por enquanto, o Pepsi Phone P1 ainda não atingiu a meta de financiamento (nem mesmo um quinto do valor foi conquistado), mas há pouco menos de um mês para tentar sair do papel.

O que você achou do celular da Pepsi? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: