Um grupo de pesquisadores da Universidade Carnegie Mellon, em Pittsburg, EUA, criou uma ferramenta que transforma qualquer smartphone da atualidade em uma verdadeira régua virtual superprecisa. Não que ainda não existam apps que podem usar a câmera de aparelhos do tipo para fazer medições atualmente, mas nenhum deles consegue um desempenho tão interessante quanto o dessa nova solução.

Os pesquisadores disseram ao veículo oficial da universidade que, em um teste, foram capazes de medir a distância entre as duas pupilas de uma pessoa com a precisão de meio milímetro, o que é uma margem de variação praticamente irrisória para aplicações cotidianas.

Para conseguir fazer esse tipo de medição, os pesquisadores tiveram que fazer a câmera dos smartphones funcionar paralelamente aos sensores de movimento presentes nos aparelhos. Esses sensores que fazem a tela mudar a orientação quando você gira o dispositivo de um lado para o outro são baratos e pouco precisos, mas eles têm servido para ajudar nas medições de forma incrivelmente útil.

Simon Lucey, um dos integrantes do grupo de pesquisadores disse que disse os sensores têm surpreendido sua equipe. “Nós conseguimos fazer medições precisas com sensores baratos que não tínhamos imaginado [ser possível]”, explicou.

Até o momento, entretanto, essas medições não podem ser feitas em tempo real. Isso quer dizer que o usuário tem que escanear objetos e espaços com o smartphone e, depois de algum tempo de processamento, ele consegue trazer as medidas para o usuário.  De qualquer forma, com o avanço em câmeras e sensores mobile, isso deve mudar.

Entre as opções de aplicações para uma ferramenta como essa, temos a possibilidade de medir um cômodo de uma casa inteira e sair planejando que móveis usar nesse espaço. É possível também fazer escaneamentos tridimensionais de qualquer tipo de objeto com a câmera do celular e ter uma escala precisa sobre os tamanhos, o que era algo bastante problemático até agora.

Cupons de desconto TecMundo: