Você já deve saber que um phablet, gadget híbrido que é uma espécie de "filho" entre um tablet e um smartphone, é um dispositivo com tela entre 5" e 7". Bom, a fabricante Blu não parece saber disso: a empresa apresentou o gigante Studio 7.0 e insiste que o aparelho é catalogado como um celular.

Acontece que o dispositivo tem exagerados 7" — o primeiro nessa categoria, segundo a fabricante, o que o transformaria também no maior smartphone do mundo.

O preço é outro destaque: você leva esse colosso dos smartphones por somente US$ 149 na Amazon dos Estados Unidos (mas sem envio para o Brasil). E, apesar do baixo preço, as especificações técnicas não são de qualidade tão baixa assim.

Especificações técnicas

  • Tela: 7" (600 x 1024 pixels)
  • Sistema operacional: Android 4.4 KitKat
  • Processador: MediaTek dual-core de 1,3 GHz
  • Memória RAM: 1 GB
  • Armazenamento interno: 8 GB
  • Câmera: 5 MP (traseira, com autofoco) e 2 MP (frontal)
  • Bateria: 3.000 mAh
  • Medidas: 18,7x10,3x0,94 cm
  • Peso: 294 g

Será que ele pode mesmo ser chamado de celular só porque é capaz de efetuar e receber chamadas? Ele quase não pode mais ser enquadrado entre os phablets, mas a fabricante insiste em dizer que ele é apenas um smartphone.

De qualquer forma, vendido nas cores branca, preta, azul e dourada, o Blu Studio 7.0 não tem previsão de ser lançado oficialmente no Brasil.

Cupons de desconto TecMundo: