(Fonte da imagem: Reprodução/SlashGear)

Como consequência de um julgamento que tenta decidir uma disputa de patentes entre a HTC e a Nokia, o juiz Richard Arnold revelou em documentos que o sucessor do smartphone HTC One deve ser lançado no começo de 2014 no Reino Unido. Batizado como “One Two”, o dispositivo pode chegar às lojas entre fevereiro e março do próximo ano.

A HTC decidiu não contestar a revelação do juiz, o que indica que o dispositivo realmente deve ser lançado nesse intervalo de tempo. No entanto, além do nome, não foram divulgados quaisquer detalhes relacionados às características técnicas do novo gadget.

O nome do “One Two” foi trazido à tona devido ao fato de o HTC One usar algumas patentes registradas pela Nokia sem o devido licenciamento. Embora em um primeiro momento Arnold tenha dado a entender que as vendas do smartphone atual poderiam ser proibidas no Reino Unido devido a essa infração, ele decidiu que a companhia poderá continuar exercendo suas vendas por conta das alegações da empresa de que isso poderia arruinar seus negócios.

HTC One liberado, mas não sua versão Mini

O magistrado se mostrou um pouco descrente em relação às declarações feitas pela companhia. “A HTC pinta um cenário dramático do que poderia vir a acontecer”, escreveu o juiz. “Eu devo dizer que estou um pouco descrente em relação à evidência apresentada, visto que a empresa deve lançar em breve seu novo telefone flagship”, complementa.

Mesmo assim, Arnold decidiu não impedir as vendas do aparelho, reconhecendo que, entre o período atual e março do ano que vem, a empresa deve passar por um período vulnerável. Essa decisão não se aplica ao HTC One Mini, cujas vendas no Reino Unido foram bloqueadas devido à infração cometida contra a Nokia — situação da qual a HTC ainda pode recorrer nos tribunais.

Cupons de desconto TecMundo: