Xiaomi Phone 2S (Fonte da imagem: Divulgação/Xiaomi)

A fabricante chinesa Xiaomi anunciou na última terça-feira (9) o lançamento de duas novas adições à sua linha de smartphones. Conhecidas pelas siglas 2S e 2A, as novidades se tratam de versões ligeiramente modificadas do Xiaomi Phone 2, um dos produtos mais populares já fabricados pela companhia.

O Xiaomi Phone 2S (ou MI-2S) conta com as mesmas 4,3 polegadas do produto que o inspira, adotando um processador mais veloz para se adaptar ao mercado atual. Confira as especificações técnicas do novo produto:

  • Processador quad-core Qualcomm Snapdragon 600 de 1,7 GHz;
  • 2 GB RAM;
  • Display IPS de 4,3 polegadas com resolução 720p;
  • Câmera frontal de 2 megapixels;
  • Câmera traseira de 13 megapixels (na versão com 32 GB de armazenamento) ou com sensor de 8 megapixels (no modelo com 16 GB);
  • Conectividade WCDMA 850/1900/2100 MHz;
  • Bateria de 2.000 mAh.

O produto já está disponível para venda pelo preço sugerido de US$ 320 (versão com 16 GB de armazenamento interno), porém o primeiro lote com 200 mil unidades já está esgotado. A previsão é que o produto chegue no dia 23 de abril a Hong Kong, o que deve aumentar as chances de ele chegar ao ocidente através de importadores — até o momento, não se sabe quando a versão com 32 GB estará disponível.

Xiaomi Phone 2A

Xiaomi Phone 2A (Fonte da imagem: Divulgação/Xiaomi)

Já o Xiaomi Phone 2A se trata de uma “versão jovem” do Xiaomi Phone original — na prática, isso significa um hardware mais fraco combinado a preços que se mostram mais acessíveis a um público mais amplo. Veja abaixo as características do smartphone:

  • Processador dual-core MSM8260A de 1,7 GHz (arquitetura Krait 300);
  • GPU Adreno 320;
  • Display IPS de 4,5 polegadas com resolução 720p;
  • 1 GB de RAM;
  • 16 GB de capacidade interna de armazenamento;
  • Câmera fotográfica de 8 megapixels;
  • Câmera frontal de 2 megapixels;
  • Bateria de 2.000 mAh.

O dispositivo também acompanha um novo sistema de som desenvolvido em parceria com a empresa sueca Dirac e conectividade NFC. O produto deve chegar ao território chinês dentro de três semanas pelo preço sugerido de US$ 240 em sua versão desbloqueada e sem subsídios de qualquer operadora.

Novo sistema operacional

O aspecto que se destaca nos novos aparelhos é o fato de ambos virem acompanhados por um novo sistema operacional baseado no Android e conhecido como MIUI v5. Apresentando uma reformulação visual completa em relação a seu antecessor, o software conta com filtros de ligações indesejadas, gravação automática de conversas selecionadas e um sistema que permite gerenciar o uso de dados por aplicativos específicos.

A novidade também permite a sincronização automática de aplicativos em segundo plano enquanto o aparelho está em repouso. Para finalizar, a plataforma vem acompanhada pelo software de comunicações MiChat, que também pode ser obtido de maneira individual em outros produtos fabricados pela companhia chinesa.

Cupons de desconto TecMundo: