Smartphones flexíveis não são exatamente uma novidade, e telas 3D também estão longe de chamar a atenção de muita gente nos dias de hoje. Mas e se você pudesse ter um celular com tela flexível e, ao mesmo tempo, pudesse ver imagens tridimensionais nele continuamente sem precisar usar nenhum tipo de óculos?

É num aparelho como esse que o pessoal da Queen’s University, no Canadá, está trabalhando. Eles conseguiram combinar essas duas capacidades em um só dispositivo, chamado HoloFlex, de uma forma bem criativa e única.

Arranjo da tela

Para começar, eles usaram como base um display OLED flexível tradicional, mas alteraram a forma como o padrão das imagens é reproduzido. Em vez de um arranjo comum, tudo é representado a partir de círculos formados por 12 pixels.

Isso tornou a resolução da tela utilizada, que era Full HD, em míseros 160x104 pixels, mas existe uma boa explicação para tal. A parte da proteção de vidro da tela é coberta de pequenas lentes olho-de-peixe que, combinadas aos “pixels redondos” do display, geram as imagens tridimensionais a partir de qualquer ângulo que a pessoa esteja olhando.

O vidro da tela é coberto de pequenas lentes olho-de-peixe

Com isso, não é necessário utilizar nenhum tipo de óculos polarizador para perceber o efeito e uma quantidade indefinida de pessoas pode observar a tridimensionalidade ao mesmo tempo, uma vez que as imagens não seguem o movimento do rosto de uma só pessoa através de um sensor, como acontece no Nintendo 3DS.

Quando chega?

Naturalmente, esse produto é apenas um protótipo bem primitivo e, caso a tecnologia receba mais investimentos e acabe sendo produzia comercialmente, é possível que as lentes da tela sejam miniaturizadas e a resolução possa ser melhorada para os padrões atuais. Mesmo assim, não há como dizer quando algo assim possa chegar ao mercado internacional.

Será que smartphones com tela 3D vão ser tendência no futuro? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: