Em entrevista ao site Engadget, Carlos Ghosn (CEO da Renault-Nissan) trouxe algumas afirmações bem significativas em relação aos projetos da empresa para os automóveis autônomos.

De acordo com o CEO, em 2020 nós já teremos veículos autônomos circulando normalmente por cidades e estradas, pelo trânsito em geral. Suas palavras exatas foram:

“Para passar de um protótipo para as vendas de marketing de massa, é preciso tempo. É necessário testar a confiabilidade [dos carros] e os custos precisam ser trabalhados antes de se mover o protótipo para o mercado de massa. Em minha opinião, essa é uma transição de três a quatro anos para os carros autônomos. Não falo da direção autônoma nas estradas ou em pistas específicas – isso é fácil e nós podemos fazer hoje –, porém em todas as condições: rodovias, centros, cidades etc. Isso levará quatro anos...”, disse Carlos Ghosn.

Apesar disso, Ghosn afirmou que a regulamentação para esses tipos de automóveis também tem que evoluir nesses anos para acompanhar a chegada deles ao mercado. O CEO parece confiante de que o cronograma de quatro anos será cumprido, pelo menos por enquanto.

Em até quanto tempo você acha que os veículos autônomos vão dominar as ruas? Comente no Fórum do TecMundo.