A Fiat Chrysler Automobiles (FCA) anunciou que o Brasil foi escolhido para receber o mais novo Centro de Pesquisa, Desenvolvimento, Inovação e Engenharia Automotiva da montadora.

O local ficará em Recife, e a primeira das quatro unidades que integrarão esse complexo foi inaugurada em 2 de dezembro, em Recife (PE). Trata-se do Centro de Software, dedicado exclusivamente a criar e desenvolver plataformas automotivas para controle de motores e transmissões — tudo isso com foco no mercado da América Latina. O objetivo é criar programas com maior eficiência energética, redução do consumo de combustível e da emissão de gases, além de melhor resposta aos comandos do motorista.

"Os carros, cada vez mais, são equipados com centrais de controle de comando, que controlam o fluxo de combustível, a taxa de transmissão, a taxa de combustão e a emissão de gases (...). Cada uma dessas funções é executada por softwares complexos, cujo desenvolvimento se torna um elemento-chave na criação dos produtos da indústria. Daí decorre a relevância do Centro de Software que estamos inaugurando", explica Egon Daxbacher, Gerente de Implantação do Centro da FCA em Pernambuco.

O espaço é de se impressionar. São 6 mil m² de oficinas e laboratórios, 3 mil m² de escritórios e sete estações de simulação avançada. Ao todo, serão R$ 140 milhões em investimentos em todo o Centro de Pesquisa e Desenvolvimento. O Brasil só tem a ganhar com a empreitada: serão até 500 profissionais contratados nos próximos anos, entre engenheiros e técnicos, sem falar em um programa de residência e no estabelecimento de parcerias com oito instituições de ensino da região.

Qual é a tecnologia de carros mais legal de 2015? Comente no Fórum do TecMundo