Depois de oito anos de pesquisas, design e fabricação, finalmente o Bloodhound SSC está finalizado. Já falamos no ano passado sobre este veículo supersônico que mistura características de foguete com um caça. Agora, ele está construído e será apresentado ao público nos próximos três dias em uma apresentação na Inglaterra.

Além de servir como base para o desenvolvimento de novas tecnologias, o objetivo do supercarro Bloodhound SSC é quebrar o recorde atual de velocidade conquistado pelo seu antecessor, o Thrust SSC, que alcançou 1228 km/h em 1997.

Data e local do teste

A previsão é que o veículo tente alcançar a velocidade de 1.610 km/h em uma pista especialmente projetada para o evento em 2016 no Deserto de Hakskeenpan, na África do Sul, que conta com aproximadamente 20 quilômetros de comprimento por 5 de largura.

Durante a apresentação, o público poderá ver 95% do Bloodhound, visto que ainda faltam testes no sistema de abastecimento e instalação do foguete, um dos seus três motores, e uma série de outros acessórios. Se tudo estiver correto, o veículo poderá realizar testes de baixa velocidade atingindo 320 km/h ainda na Inglaterra.

Envenenado demais

O modelo tem aproximadamente 13.4 metros de comprimento, pesa 7,5 toneladas e tem três fontes de energia diferentes : um motor Rolls -Royce EJ2000 usado na avião de caça Eurofighter Typhoon, um conjunto de foguetes híbridos NAMMO alimentados pelo motor V8 supercharged de 5.0 litros da Jaguar capaz de bombear até 40 litros de carburante por segundo.

Juntos eles produzem 135 mil cavalos de potência: mais de nove vezes o poder de todos os carros na Fórmula 1 combinado ou mais de 111 Bugatti Veyron Super Sport.