Uma startup chamada Divergent Microfactories, sediada em São Francisco, nos EUA, anunciou nesta quarta-feira (24) aquele que está sendo considerado o primeiro protótipo de supercarro impresso em 3D.

Batizado de Blade, o veículo possui toda a sua estrutura como se fosse uma peça única. Para tanto, a companhia desenvolveu uma tecnologia intitulada Node. A partir dela, é possível encaixar os tubos de fibra de carbono que formam o chassi através de mecanismos de junção em alumínio. Obviamente, tudo isso produzido com impressoras tridimensionais.

A técnica permite que o automóvel tenha sua estrutura básica montada em questão de minutos, isso sem falar na redução do peso — que pode ser até 90% menor do que os chassis de carros convencionais e ainda colaborar com a redução no consumo de combustíveis. O modelo atual do Blade pesa apenas 635 kg.

O motor do “supercarro 3D” possui 700 hp, o qual pode ser alimentado por gasolina ou gás natural veicular (GNV). Essa motorização permite que o veículo faça de 0 a 100 km/h em aproximadamente dois segundos. A Divergent Microfactories informou que pretende produzir um número limitado de unidades, as quais serão fabricadas em sua própria “microfábrica”. Nada foi comentado sobre disponibilidade e preço do modelo.