A Chevrolet acaba de anunciar a nova geração do seu o MyLink. O principal recurso adicionado ao sistema de infotenimento (infotainment) da fabricante deve ser a integração com o Android Auto e com o Apple CarPlay — permitindo interações entre o sistema automotivos e os smartphones movidos a iOS e a Android.

“Para o motorista, isto significa uma maior integração entre as funções do smartphone e do sistema multimídia do carro”, disse a General Motors em nota oficial para a imprensa. “Tudo isso de uma forma muito mais simples e segura, já que diversos recursos podem ser acionados por comando de voz, ajudando a manter por mais tempo o foco no trânsito e as mãos no volante.”

Utilidade e entretenimento

Por meio da nova versão do MyLink, será possível ditar e ouvir mensagens de texto, efetuar buscas em restaurantes (ou outros pontos de interesse) e também buscar melhores rotas. Também é possível acessar diversos aplicativos, como WhatsApp, Skype e Spotify. Não obstante, a relação completa de recursos e de aplicativos pode variar de acordo com a versão do sistema operacional do telefone de cada usuário.

"Para a maioria de nós, nossos smartphones são essenciais”, enfatizou Mary Barra, CEO da General Motors. “A parceria com Apple e Google para oferecer compatibilidade com o CarPlay e Android Auto na maior gama de veículos da indústria é um excelente exemplo de como a Chevrolet continua a democratizar tecnologias que são importantes para nossos clientes.”

Sobre a possibilidade de conexão wireless com os smartphones e suporte a Wi-Fi, entretanto, fica apenas a promessa para os “próximos anos” e para “futuros modelos” do MyLink — já que mesmo a nova geração ainda exigirá a conexão por meio de um cabo físico com o sistema automotivo.

Disponíveis na linha 2016

A nova geração intercomunicativa do MyLink deve ser adicionada a todos os veículos da linha 2016 da Chevrolet. O primeiro modelo a contar com a novidade deve ser o Cruze norte-americano, com revelação prevista para o final de junho.

Posteriormente, engrossam também o coro do infotenimento o Volt, o Camaro (incluindo a versão conversível), o Corvette, o Malibu, o Colorado/S10, a Silverado, o Spark, o Impala, o Tahoe e o Suburban — modelos que, de acordo com a fabricante, somaram juntos “mais de 2,4 milhões de unidades vendidas no ano passado, ou 51% de todo o volume global emplacado pela Chevrolet”.

Telas de 7 e de 8 polegadas

Tanto o Apple CarPlay quanto o Android Auto devem ter suporte em ambas as versões do novo MyLink — com telas de 7 e de 8 polegadas. Não obstante, enquanto o CarPlay terá suporte logo que os novos modelos cheguem às concessionárias, o Android Auto será limitado, inicialmente, apenas aos sistemas com display de 7 polegadas. De acordo com a GM, o suporte para o MyLink de 8 polegadas deve ser disponibilizado antes do final do ano.

Confira abaixo a relação dos veículos e suas respectivas versões do sistema de infotenimento da Chevrolet:

  • Tela de 7 polegadas: Spark, Cruze, Malibu, Camaro, Camaro Convertible, Silverado e Silverado HD.
  • Tela de 8 polegadas: Cruze, Malibu, Impala, Volt, Camaro, Camaro Convertible, Corvette, Corvette Convertible, Colorado, Silverado, Silverado HD, Tahoe e Suburban.

No Brasil

De acordo com a nota oficial da Chevrolet, a segunda geração do MyLink deve chegar também ao Brasil “em breve”, presente em todos os modelos da fabricante que já incluíam a primeira geração do sistema.

“Apresentada em 2012 no país e disponível em toda a nova linha de veículos (Onix, Prisma, Cobalt, Spin, Cruze, S10, Trailblazer, Tracker, Captiva e Camaro), a atual geração do MyLink traz tela de sete polegadas sensível ao toque, Bluetooth e entradas USB e AUX que permitem ao usuário trazer suas músicas, fotos, vídeos e acessar aplicativos (de navegação e de rádios internacionais) por meio do smartphone.”

De acordo com a fabricante, atualmente o MyLink pode ser encontrado em mais de 50% dos modelos vendidos em território tupiniquim. “Com a segunda geração do sistema, vamos continuar inovando e mantendo a liderança da marca em tecnologia, ampliando ainda mais as possibilidades de conectividade, agregando valor ao produto e assim atendendo as expectativas do mercado”, disse o presidente da General Motors do Brasil, Santiago Chamorro.

Enfim, as novidades da Chevrolet certamente aparecem em consonância com as propostas da Google e também da Apple de minimizar as distrações a que um motorista high tech é tipicamente submetido. Afinal, conforme algumas informações possam ser exibidas diretamente no sistema do veículo, torna-se menos necessário o manuseio de smartphones e de relógios inteligentes.