De forma a tornar seus veículos autônomos mais seguros, a Google assegurou uma patente que garante o uso de airbags externos. O sistema da companhia aciona bolsões de ar que se inflam caso um de seus carros entre em contato com um elemento exterior — potencialmente diminuindo o dano causado pelo impacto.

O funcionamento do sistema usa como base uma série de sensores que detecta se um acidente é iminente. Vale notar que o sistema externo usado pela empresa não é o mesmo visto em airbags convencionais — para garantir a segurança de pedestres, a companhia optou pelo uso de um material visco-elástico.

A Google não é a única a apostar em uma ideia do tipo: fabricantes como a Volvo também já exibiram soluções semelhantes em um passado recente. A solução é somente um entre vários recursos de segurança que a Gigante das Buscas está implementando em seus automóveis de forma a convencer consumidores de que, no futuro, não vai ser mais preciso ficar atrás do volante para chegar até o local desejado.