O ideal de segurança para motoristas do mundo atual costuma envolver ideias cheias dos mais avançados recursos tecnológicos que deverão estar presentes nos carros do futuro. No entanto, muitas vezes são os fatores simples que fazem a maior diferença – como a existência de faróis capazes de emitir uma luz forte, mas que ao mesmo tempo não seja capaz de cegar quem vem no sentido contrário.

Por esse motivo, a Mercedes-Benz vem trabalhando em uma novidade que eventualmente deve se unir às suas tecnologias de assistência aos motoristas: o sistema de faróis Multibean LED, que conta com nada menos que 84 lâmpadas LED por unidade. Em junho, a empresa já havia revelado uma versão com 24 lâmpadas presente no modelo 2015 de seu CLS, de forma que a versão melhorada representa um salto e tanto e iluminação em pouco tempo.

No entanto, o brilho mais forte resolveria somente metade do problema, já que luzes intensas demais acabariam cegando outros motoristas e pedestres. Para solucionar esse problema, a Mercedes-Benz utiliza um sistema que permite que os LEDs sejam individualmente desligados ou direcionados automaticamente conforme a necessidade e de acordo com dados de câmeras, sistemas de imagens e GPS.

As estradas futuras

Uma possibilidade de aplicação para a tecnologia, por exemplo, seria aquelas situações em que você conduz próximo à traseira de um carro, caso em que a luz dos seus faróis poderia atrapalhar a visão do condutor. Com a novidade, os LEDs que atordoariam o outro motorista seriam desligados, enquanto os demais continuariam a iluminar os arredores – tudo de forma automática e sem qualquer intervenção sua.

O novo farol Multibean, com suas 84 LEDs e sistemas responsivos, ainda parece estar em estágio de protótipo, de forma que não há informações a respeito de sua data de lançamento. Enquanto isso, a Mercedes-Benz tem planos de criar uma tecnologia que permita emitir um feixe de LED com alcance de 600 metros e outro com 1024 pixels controláveis por cada farol.