(Fonte da imagem: Reprodução/Bairro do Oriente)

Para algumas pessoas, a compra de um carro novo trouxe surpresas desagradáveis. De acordo com um comunicado feito pela Mazda, foi necessário fazer um recall dos Mazda 6 produzidos entre 2010 e 2012 por conta de aranhas de saco amarelo que apareceram nos tanques de combustível dos veículos. 

Esse tipo de aranha, conhecido por farejar gasolina, é capaz de produzir teias nos tanques de combustível. Com isso, o fluxo do líquido até o motor é bloqueado, causando acúmulo de pressão. Essa ação seria capaz de provocar fissuras no depósito de combustível, aumentando o risco de vazamento e, consequentemente, as possibilidades de incêndio. 

Mesmo com o alarde, a Mazda informou que, até a emissão do comunicado, não tinha conhecimento de incêndios causados por conta das teias de aranha, e que aqueles que foram afetados com a medida terão a reparação feita sem nenhuma taxa adicional. 

Vale mencionar que, em 2011, a empresa já havia tentado incluir uma barreira nos tanques de combustível para impedir a passagem das aranhas, mas isso foi parcialmente efetivo.